Economia Titulo
Dilma: Bolsa Verde atenderá 73 mil famílias até 2014
03/10/2011 | 12:00
Compartilhar notícia


O governo federal pretende chegar em 2014 com 73 mil famílias sendo atendidas pelo Bolsa Verde, programa que dará R$ 100 mensais ao trabalhador extrativista, principalmente da Região Norte, para que ele preserve a floresta onde trabalha. A informação foi divulgada pela presidente Dilma Rousseff em seu programa semanal de rádio "Café com a Presidenta", que foi ao ar hoje pela manhã. Dilma afirmou ainda que já há 3.500 extrativistas com direito ao benefício neste mês. Até o fim do ano, segundo ela, serão 18 mil famílias atendidas.

O Bolsa Verde foi lançado, junto com o programa Brasil sem Miséria, para a Região Norte do País na semana passada. Segundo Dilma, o Bolsa Verde combina a geração da renda com a preservação ambiental. "Na Região Norte, muitas famílias tiram o seu sustento da coleta de frutos, com o açaí, o bacuri e, também, da pesca artesanal. Essas famílias extrativistas vivem numa integração muito grande com a floresta e são as maiores defensoras da nossa Amazônia", afirmou.

O programa vai contar com a ajuda de Estados, municípios e das Forças Armadas. "Na Região Norte, estamos colocando as Forças Armadas para atravessar rios e florestas e encontrar essas famílias que mais precisam", disse Dilma. "O esforço é chegar a essas famílias, conhecer a realidade de cada uma delas e oferecer a política mais adequada para que possam melhorar de vida."

Ainda segundo a presidente, um dos objetivos do governo dentro do programa Brasil sem Miséria é aumentar a renda dos pequenos agricultores da região. Ela destacou apoio em assistência técnica aos agricultores e parcerias para a venda dos produtos. "Foi com políticas sociais como estas que 40 milhões de brasileiros foram elevados à classe média nos últimos anos", disse. "E distribuir renda é também uma das melhores políticas para combater a crise econômica mundial."




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;