Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Senado dos EUA aprova projeto sobre atrasos de voos



26/04/2013 | 00:29


O Senado dos Estados Unidos aprovou um projeto de lei nesta quinta-feira que visa amenizar os atrasos de voos causados pelas licenças dos controladores de tráfego aéreo. A Câmara dos Representantes deve analisar a medida na sexta-feira, disse um assessor.

Muitos parlamentares já tinham deixado Washington para um recesso de uma semana quando o Senado aprovou por unanimidade a medida que visa dar ao Departamento de Transportes, que administra a Administração Federal de Aviação (FAA, na sigla em inglês), maior flexibilidade orçamentária para reduzir o número das folgas.

Segundo o projeto de lei, a FAA deverá ser capaz de redirecionar até US$ 253 milhões de outras áreas do seu orçamento para sustentar o nível de pessoal.

A FAA começou a colocar a maior parte dos seus funcionários em licença no domingo,

exigindo que eles folguem um dia a cada dez dias, sem remuneração, medida considerada inevitável pela FAA devido à necessidade de cortar US$ 637 milhões do seu orçamento até 30 de setembro. As informações são da Dow Jones. As informações são da Dow Jones.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Senado dos EUA aprova projeto sobre atrasos de voos


26/04/2013 | 00:29


O Senado dos Estados Unidos aprovou um projeto de lei nesta quinta-feira que visa amenizar os atrasos de voos causados pelas licenças dos controladores de tráfego aéreo. A Câmara dos Representantes deve analisar a medida na sexta-feira, disse um assessor.

Muitos parlamentares já tinham deixado Washington para um recesso de uma semana quando o Senado aprovou por unanimidade a medida que visa dar ao Departamento de Transportes, que administra a Administração Federal de Aviação (FAA, na sigla em inglês), maior flexibilidade orçamentária para reduzir o número das folgas.

Segundo o projeto de lei, a FAA deverá ser capaz de redirecionar até US$ 253 milhões de outras áreas do seu orçamento para sustentar o nível de pessoal.

A FAA começou a colocar a maior parte dos seus funcionários em licença no domingo,

exigindo que eles folguem um dia a cada dez dias, sem remuneração, medida considerada inevitável pela FAA devido à necessidade de cortar US$ 637 milhões do seu orçamento até 30 de setembro. As informações são da Dow Jones. As informações são da Dow Jones.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;