Esportes

Handebol masculino perde para a Alemanha e está fora dos Jogos Olímpicos




A seleção brasileira masculina de handebol está fora dos Jogos Olímpicos de Tóquio, após perder, neste domingo para a Alemanha por 29 a 25, em duelo válido pela quinta rodada do Grupo A. O Brasil se despede da olimpíada com uma vitória sobre a Argentina e quatro derrotas - Noruega, França, Espanha e Alemanha.

O primeiro tempo foi muito equilibrado, com as duas equipes com forte marcação e boa atuação dos goleiros. Com isso, o placar ficou disputado gol a gol. O Brasil chegou a ter 8 a 6, mas se desestabilizou com a saída do goleiro Ferrugem, contundido no joelho direito.

Mesmo assim, a partida ficou equilibrada até os minutos finais da primeira etapa, quando o Brasil sofreu um ''apagão'' e acabou ficando com quatro gols de desvantagem: 16 a 12. Os destaques do time nacional foram João Pedro e Chiuffa.

O Brasil não voltou bem para o segundo tempo e os alemães abriram rapidamente 19 a 13. Com falta de ataque, erros de finalização e grande atuação dos goleiros adversários o placar atingiu 21 a 14.

Nos últimos 15 minutos, a Alemanha procurou gastar mais o tempo e o Brasil teve um aproveitamento melhor, diminuindo para 27 a 24, mas não teve forças para virar o placar.

"Saímos de cabeça erguida. Estávamos em um grupo que poderá ter o campeão olímpico. Tivemos muitos problemas de lesão e covid durante a preparação e mesmo assim o time fez boas apresentações. Todos estão de parabéns", disse o técnico Tata.

Chiuffa concordou com o treinador e fez um alerta. "Eu estou muito feliz com o que fizemos na Olimpíada. Sabíamos que o grupo era difícil, mas tivemos boas apresentações. Espero que a nossa liga melhore para que o handebol no Brasil melhore também, afinal quase todo mundo atua no exterior."

Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários


Veja Também



Voltar