Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Timão vence e complica vida do Tigre

Ricardo Trida/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Placar de 1 a 0 ontem à noite mantém série invicta
dos alvinegros e aumenta a crise no São Bernardo


Thiago Bassan
Do Diário do Grande ABC

12/03/2015 | 07:00


Susto, só no fim. Com três titulares em campo na Arena, o Corinthians venceu o São Bernardo por 1 a 0, ontem à noite, pela nona rodada do Campeonato Paulista, e manteve a série invicta na temporada, em jogos oficiais, com 14 partidas sem perder. Com este resultado, o Timão se isolou ainda mais na liderança do Grupo 2 do torneio, com 22 pontos. Já o Tigre, que quase empatou a partida em falha de Cássio, segue na zona de rebaixamento da competição, com oito pontos, ocupando a 17ª colocação.

Com mais posse de bola que o adversário, o Corinthians dominava as ações na primeira etapa. Entretanto, o time falhava na marcação, abrindo espaço para que o São Bernardo pudesse atacar. Mesmo assim, a primeira chance surgiu com Luciano, aos oito minutos, em lance que a bola passou perto, assustando o goleiro Daniel. Mas o Tigre respondeu com Daniel Pereira, aos 21, e Vicente, na sequência. Cássio, em grande fase, impediu o gol.

O time de Tite encontrava bastante dificuldade. Além da falta de entrosamento, já que apenas três titulares estavam em campo, o esquema tático de Edson Boaro, que deixava somente Lúcio Flávio isolado na frente, fazia com que o Timão tocasse a bola quando passava do meio de campo. Tanto que, aos 30, a habilidade dos jogadores fez a diferença a favor do Corinthians. Vagner Love driblou Vicente e cruzou. Malcom apareceu livre nas costas de Rafael Cruz e abriu o placar: 1 a 0.

Com a vantagem, o Timão passou a ter o controle da partida. E, no começo da segunda etapa, quase ampliou novamente com Luciano que, aos seis, bateu de pé esquerdo e assustou Daniel.

O Tigre tentava se soltar mais em campo, com a entrada de Vanger, que substituiu o volante Carlinhos no intervalo. Mas, desta vez, era o Corinthians que apertava a marcação e não dava espaços.

Quando ainda tinha sua chance de marcar, o time da Capital era implacável. Em jogada rápida de Vagner Love, aos 30, Danilo perdeu a chance de marcar o gol que traria mais tranquilidade ao time.

O jogo se encaminhava para o fim sem sustos. Mas quando o placar já parecia definido a favor do Timão, o São Bernardo viu que a sorte não estava ao seu lado na noite de ontem mas, sim, com o goleiro Cássio. Jean Carlos, que havia entrado há pouco, arrematou de longe, o arqueiro não segurou e a bola acertou a trave. O camisa 12 se recuperou e agarrou-a antes de entrar. Foi a chance mais lamentada pelo Tigre em toda a partida.

Vagner Love segue em busca de espaço

Nem de longe ele lembra o artilheiro que foi nos velhos tempos. Mas, aos poucos, o experiente Vagner Love vem buscando o condicionamento físico ideal e, ao mesmo tempo, a chance de se firmar entre os titulares do Corinthians.

Ontem, o atacante lembrou as atuações com as camisas de Palmeiras e Flamengo quando, aos 31 minutos da primeira etapa, fez excelente jogada e cruzou na medida para o jovem Malcom abrir o placar. Após o lance, o jogador foi ovacionado pelo torcida.

Sonho antigo do Timão, Vagner Love esteve muito perto de reforçar o clube em 2005, quando chegou inclusive a ser apresentado pelo Timão, mas depois o acerto acabou não acontecendo.

Ontem, em sua primeira aparição durante quase os 90 minutos na atual temporada (foi substituído por Romero no fim do jogo), Love deixou um pouco suas origens de lado e fez o papel de garçom. Depois de servir Malcom para o primeiro gol, ainda criou outras boas chances para o Timão. Aos 30 minutos do segundo tempo infernizou novamente a zaga do São Bernardo e serviu Danilo, que desperdiçou. Depois, aos 35, teve a chance de deixar sua marca, invadiu a área e chutou, mas a bola subiu demais.

Com a permanência de Guerrero cada vez mais complicada, devido à difícil negociação entre os empresários do peruano e o clube, a tendência é que Vagner Love seja o titular da equipe na próxima temporada. Resta saber se a torcida e o técnico Tite terão a paciência necessária para esperar que o jogador recupere seu futebol de outrora, e possa substituir à altura aquele que vem sendo o ídolo do clube nas últimas temporadas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Timão vence e complica vida do Tigre

Placar de 1 a 0 ontem à noite mantém série invicta
dos alvinegros e aumenta a crise no São Bernardo

Thiago Bassan
Do Diário do Grande ABC

12/03/2015 | 07:00


Susto, só no fim. Com três titulares em campo na Arena, o Corinthians venceu o São Bernardo por 1 a 0, ontem à noite, pela nona rodada do Campeonato Paulista, e manteve a série invicta na temporada, em jogos oficiais, com 14 partidas sem perder. Com este resultado, o Timão se isolou ainda mais na liderança do Grupo 2 do torneio, com 22 pontos. Já o Tigre, que quase empatou a partida em falha de Cássio, segue na zona de rebaixamento da competição, com oito pontos, ocupando a 17ª colocação.

Com mais posse de bola que o adversário, o Corinthians dominava as ações na primeira etapa. Entretanto, o time falhava na marcação, abrindo espaço para que o São Bernardo pudesse atacar. Mesmo assim, a primeira chance surgiu com Luciano, aos oito minutos, em lance que a bola passou perto, assustando o goleiro Daniel. Mas o Tigre respondeu com Daniel Pereira, aos 21, e Vicente, na sequência. Cássio, em grande fase, impediu o gol.

O time de Tite encontrava bastante dificuldade. Além da falta de entrosamento, já que apenas três titulares estavam em campo, o esquema tático de Edson Boaro, que deixava somente Lúcio Flávio isolado na frente, fazia com que o Timão tocasse a bola quando passava do meio de campo. Tanto que, aos 30, a habilidade dos jogadores fez a diferença a favor do Corinthians. Vagner Love driblou Vicente e cruzou. Malcom apareceu livre nas costas de Rafael Cruz e abriu o placar: 1 a 0.

Com a vantagem, o Timão passou a ter o controle da partida. E, no começo da segunda etapa, quase ampliou novamente com Luciano que, aos seis, bateu de pé esquerdo e assustou Daniel.

O Tigre tentava se soltar mais em campo, com a entrada de Vanger, que substituiu o volante Carlinhos no intervalo. Mas, desta vez, era o Corinthians que apertava a marcação e não dava espaços.

Quando ainda tinha sua chance de marcar, o time da Capital era implacável. Em jogada rápida de Vagner Love, aos 30, Danilo perdeu a chance de marcar o gol que traria mais tranquilidade ao time.

O jogo se encaminhava para o fim sem sustos. Mas quando o placar já parecia definido a favor do Timão, o São Bernardo viu que a sorte não estava ao seu lado na noite de ontem mas, sim, com o goleiro Cássio. Jean Carlos, que havia entrado há pouco, arrematou de longe, o arqueiro não segurou e a bola acertou a trave. O camisa 12 se recuperou e agarrou-a antes de entrar. Foi a chance mais lamentada pelo Tigre em toda a partida.

Vagner Love segue em busca de espaço

Nem de longe ele lembra o artilheiro que foi nos velhos tempos. Mas, aos poucos, o experiente Vagner Love vem buscando o condicionamento físico ideal e, ao mesmo tempo, a chance de se firmar entre os titulares do Corinthians.

Ontem, o atacante lembrou as atuações com as camisas de Palmeiras e Flamengo quando, aos 31 minutos da primeira etapa, fez excelente jogada e cruzou na medida para o jovem Malcom abrir o placar. Após o lance, o jogador foi ovacionado pelo torcida.

Sonho antigo do Timão, Vagner Love esteve muito perto de reforçar o clube em 2005, quando chegou inclusive a ser apresentado pelo Timão, mas depois o acerto acabou não acontecendo.

Ontem, em sua primeira aparição durante quase os 90 minutos na atual temporada (foi substituído por Romero no fim do jogo), Love deixou um pouco suas origens de lado e fez o papel de garçom. Depois de servir Malcom para o primeiro gol, ainda criou outras boas chances para o Timão. Aos 30 minutos do segundo tempo infernizou novamente a zaga do São Bernardo e serviu Danilo, que desperdiçou. Depois, aos 35, teve a chance de deixar sua marca, invadiu a área e chutou, mas a bola subiu demais.

Com a permanência de Guerrero cada vez mais complicada, devido à difícil negociação entre os empresários do peruano e o clube, a tendência é que Vagner Love seja o titular da equipe na próxima temporada. Resta saber se a torcida e o técnico Tite terão a paciência necessária para esperar que o jogador recupere seu futebol de outrora, e possa substituir à altura aquele que vem sendo o ídolo do clube nas últimas temporadas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;