Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 31 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

OMC confirma duas decisões favoráveis ao Brasil


Do Diário OnLine
Com Agências

08/09/2004 | 12:44


A OMC (Organização Mundial do Comércio) confirmou nesta quarta-feira duas decisões separadas que favorecem o Brasil, uma condenando os subsídios da UE (União Européia) ao açúcar e outra condenando a ajuda dos Estados Unidos a seus produtores de algodão.

No caso do açúcar, a organização entregou seu relatório final à UE, assim como ao Brasil, Austrália e Tailândia, os três países que apresentaram a queixa contra a política européia do açúcar.

Segundo uma fonte de um dos três países envolvidos, ouvida por agências de notícias, o documento confirma o primeiro relatório, ratificando que o bloco viola regras comerciais com suas exportações. No início de agosto, a OMC decidiu favoravelmente ao Brasil contra os subsídios praticados por 25 países sobre o açúcar de beterraba e cana de açúcar.

O ministro da Agricultura do Brasil, Roberto Rodrigues, estimou na ocasião do primeiro veredicto que cerca de dois milhões de toneladas erams comercializadas a preços mais baratos do que o produto brasileiro. A decisão abrirá no mercado internacional espaço para que o Brasil possa embarcar mais de um milhão de toneladas.

Algodão - Também nesta quarta a OMC entregou aos seus 147 países membros o relatório final sobre a ação do Brasil contra os subsídios americanos ao algodão. A decisão dá aos Estados Unidos um prazo de 60 dias para apresentar uma apelação, ou seja, até 8 de novembro, seis dias depois da eleição presidencial no país.

Em junho, Richard Mills, porta-voz do representante de Comércio americano, Robert Zoellick, informou que os Estados Unidos iriam apelar da decisão da OMC.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;