Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 22 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Mauá recebe pacote de dez espetáculos a partir desta 3ª


Mauro Fernando
Do Diário do Grande ABC

10/11/2003 | 18:32


Dez peças, adultas e infantis, e com entrada franca compõem a XII Mostra Aberta de Teatro de Mauá, que começa nesta Terça-feira e se estende até domingo. Participam grupos paulistanos como Fraternal Cia. de Arte e Malas-Artes (Borandá), Parlapatões, Patifes & Paspalhões (Mix Parlapatões), Os Satyros (Antígona) e Tusp (Interior).

De acordo com o curador do evento, Caio Evangelista, os espetáculos têm como objetivo “gerar intercâmbio com o Grande ABC e com São Paulo”. “A proposta da mostra é não estabelecer fronteiras nem se prender a linguagens para que a galera veja mil possibilidades de fazer teatro. A mostra é uma semente para o festival que pretendemos fazer no próximo ano para discutir o que é latinidade”, afirma.

Vozes Urbanas reúne quatro textos curtos de Sérgio Roveri e abre o evento, às 20h30, no Teatro Municipal. A direção é de Paulo Barcellos. O espetáculo estreou em maio no Teatro Ágora, em decorrência do seminário Ágora Metrópolis XXI – São Paulo: O Avesso do Avesso. Também esteve em cartaz no Espaço dos Satyros. No elenco: Jally Ferrari, Kadi Moreno, Luciano Brandão e Rodrigo Fregnan.

Uma prostituta faladora e seu cliente silencioso formam a primeira história de Vozes Urbanas. Um seqüestro é o mote da segunda. A terceira: a empáfia e a neurose de um executivo metido num embate com um garçom de botequim de periferia. Por fim, uma mulher solitária que recebe ligações anônimas consolida o painel urbano contemporâneo proposto pela peça.

A comédia musical Do Kitsch ao Sublime estará no Municipal, no dia 13. Já os Parlapatões mostram a montagem em que condensam sua trajetória na sexta-feira, no Parque das Américas. À Fraternal está reservado o encerramento do evento, no Municipal – em Borandá, a companhia aborda o tema da migração.

XII Mostra Aberta de Teatro de Mauá – Teatro. Desta terça a domingo. Vozes Urbanas, de Sérgio Roveri, direção de Paulo Barcellos, com Jally Ferrari, Kadi Moreno, Luciano Brandão e Rodrigo Fregnan. Terça, às 20h30. No Teatro Municipal de Mauá – r. Gabriel Marquês, s/nº, Mauá. Tel.: 4555-0086. Entrada franca.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mauá recebe pacote de dez espetáculos a partir desta 3ª

Mauro Fernando
Do Diário do Grande ABC

10/11/2003 | 18:32


Dez peças, adultas e infantis, e com entrada franca compõem a XII Mostra Aberta de Teatro de Mauá, que começa nesta Terça-feira e se estende até domingo. Participam grupos paulistanos como Fraternal Cia. de Arte e Malas-Artes (Borandá), Parlapatões, Patifes & Paspalhões (Mix Parlapatões), Os Satyros (Antígona) e Tusp (Interior).

De acordo com o curador do evento, Caio Evangelista, os espetáculos têm como objetivo “gerar intercâmbio com o Grande ABC e com São Paulo”. “A proposta da mostra é não estabelecer fronteiras nem se prender a linguagens para que a galera veja mil possibilidades de fazer teatro. A mostra é uma semente para o festival que pretendemos fazer no próximo ano para discutir o que é latinidade”, afirma.

Vozes Urbanas reúne quatro textos curtos de Sérgio Roveri e abre o evento, às 20h30, no Teatro Municipal. A direção é de Paulo Barcellos. O espetáculo estreou em maio no Teatro Ágora, em decorrência do seminário Ágora Metrópolis XXI – São Paulo: O Avesso do Avesso. Também esteve em cartaz no Espaço dos Satyros. No elenco: Jally Ferrari, Kadi Moreno, Luciano Brandão e Rodrigo Fregnan.

Uma prostituta faladora e seu cliente silencioso formam a primeira história de Vozes Urbanas. Um seqüestro é o mote da segunda. A terceira: a empáfia e a neurose de um executivo metido num embate com um garçom de botequim de periferia. Por fim, uma mulher solitária que recebe ligações anônimas consolida o painel urbano contemporâneo proposto pela peça.

A comédia musical Do Kitsch ao Sublime estará no Municipal, no dia 13. Já os Parlapatões mostram a montagem em que condensam sua trajetória na sexta-feira, no Parque das Américas. À Fraternal está reservado o encerramento do evento, no Municipal – em Borandá, a companhia aborda o tema da migração.

XII Mostra Aberta de Teatro de Mauá – Teatro. Desta terça a domingo. Vozes Urbanas, de Sérgio Roveri, direção de Paulo Barcellos, com Jally Ferrari, Kadi Moreno, Luciano Brandão e Rodrigo Fregnan. Terça, às 20h30. No Teatro Municipal de Mauá – r. Gabriel Marquês, s/nº, Mauá. Tel.: 4555-0086. Entrada franca.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;