Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 19 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Ministro espera crescimento de 20% do turismo no Brasil


Do Diário OnLine
Com AFP

13/03/2005 | 18:48


O ministro do Turismo brasileiro, Walfrido dos Mares Guia, disse neste domingo em Berlim que o Brasil se propõe a alcançar este ano um crescimento de 20% no turismo até chegar aos 5,8 milhões de visitantes estrangeiros.

O ministro visitou na capital alemã a ITB (Bolsa Internacional de Turismo), a maior feira da indústria turística mundial, onde participou na apresentação do primeiro pavilhão conjunto dos países do Mercosul (Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai).

Nesta segunda-feira o ministro lançará na ITB a nova marca de turismo do Brasil, com um logotipo multicolorido e simbólico, com o azul do mar, o amarelo do sol e suas praias, o verde de suas florestas, o branco de seu sincretismo religioso e o vermelho de seus festejos populares. "No Brasil queremos ter um crescimento de um milhão de turistas estrangeiros, para passar de 4,8 para 5,8 milhões de viajantes, portanto um aumento de 20% no número de visitantes estrangeiros", afirmou Walfrido.

No turismo doméstico, o governo brasileiro espera para 2005 um aumento de oito milhões de viajantes, para alcançar um total de 44 milhões, em comparação com os 36 milhões de turistas nacionais registrados no ano passado. "Em termos de novos investimentos, de companhias estrangeiras e de grandes grupos nacionais, estamos superando atualmente o um bilhão de dólares", acrescentou o ministro.

O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva se propôs a gerar 250 mil novos empregos em 2005. "Estas são as metas econômicas: emprego, atrair mais turistas internacionais e obter mais rendas, assim como promover uma utilização maior dos vôos aéreos e um menor fluxo do turismo de estrada e rodovias", assinalou o funcionário.

"Temos como meta desenvolver estruturar e elevar mais a qualidade de ofertas de destinos turísticos. Queremos criar mais destinos para oferecer mais alternativas aos turistas, com ênfase na qualidade, receptividade, treinamento e certificação" dos recursos humanos dos que trabalham no setor.

No ano passado, o Brasil teve um crescimento de 20% no turismo de estrangeiros, incluindo os de seus países vizinhos da América do Sul. "Passamos dos quatro milhões em 2003 a 4,8 milhões em 2004", informou Dos Mares Guia.

"Estamos muito satisfeitos porque o turismo é uma prioridade do presidente 'Lula', uma de suas dez maiores prioridades, e temos um orçamento que é compatível com essas metas e achamos que o turismo será um fator de desenvolvimento econômico e social para o Brasil: empregos, rentabilidade e divisas", concluiu.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ministro espera crescimento de 20% do turismo no Brasil

Do Diário OnLine
Com AFP

13/03/2005 | 18:48


O ministro do Turismo brasileiro, Walfrido dos Mares Guia, disse neste domingo em Berlim que o Brasil se propõe a alcançar este ano um crescimento de 20% no turismo até chegar aos 5,8 milhões de visitantes estrangeiros.

O ministro visitou na capital alemã a ITB (Bolsa Internacional de Turismo), a maior feira da indústria turística mundial, onde participou na apresentação do primeiro pavilhão conjunto dos países do Mercosul (Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai).

Nesta segunda-feira o ministro lançará na ITB a nova marca de turismo do Brasil, com um logotipo multicolorido e simbólico, com o azul do mar, o amarelo do sol e suas praias, o verde de suas florestas, o branco de seu sincretismo religioso e o vermelho de seus festejos populares. "No Brasil queremos ter um crescimento de um milhão de turistas estrangeiros, para passar de 4,8 para 5,8 milhões de viajantes, portanto um aumento de 20% no número de visitantes estrangeiros", afirmou Walfrido.

No turismo doméstico, o governo brasileiro espera para 2005 um aumento de oito milhões de viajantes, para alcançar um total de 44 milhões, em comparação com os 36 milhões de turistas nacionais registrados no ano passado. "Em termos de novos investimentos, de companhias estrangeiras e de grandes grupos nacionais, estamos superando atualmente o um bilhão de dólares", acrescentou o ministro.

O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva se propôs a gerar 250 mil novos empregos em 2005. "Estas são as metas econômicas: emprego, atrair mais turistas internacionais e obter mais rendas, assim como promover uma utilização maior dos vôos aéreos e um menor fluxo do turismo de estrada e rodovias", assinalou o funcionário.

"Temos como meta desenvolver estruturar e elevar mais a qualidade de ofertas de destinos turísticos. Queremos criar mais destinos para oferecer mais alternativas aos turistas, com ênfase na qualidade, receptividade, treinamento e certificação" dos recursos humanos dos que trabalham no setor.

No ano passado, o Brasil teve um crescimento de 20% no turismo de estrangeiros, incluindo os de seus países vizinhos da América do Sul. "Passamos dos quatro milhões em 2003 a 4,8 milhões em 2004", informou Dos Mares Guia.

"Estamos muito satisfeitos porque o turismo é uma prioridade do presidente 'Lula', uma de suas dez maiores prioridades, e temos um orçamento que é compatível com essas metas e achamos que o turismo será um fator de desenvolvimento econômico e social para o Brasil: empregos, rentabilidade e divisas", concluiu.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;