Fechar
Publicidade

Domingo, 29 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Sto.André fica perto da classificação

Claudinei Plaza/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Com dois a mais, Ramalhão emplaca vitória magra contra o Bragantino e se aproxima da próxima fase


Fabio Martins
Diário do Grande ABC

17/09/2018 | 07:00


Com vitória magra, por 1 a 0, o Santo André bateu ontem o Bragantino, no Estádio Bruno Daniel, resultado que deixa a equipe do Grande ABC a um ponto – em duas partidas – da classificação matemática à próxima fase da Copa Paulista. Com gol de Natan ainda no fim do primeiro tempo do duelo, o Ramalhão garantiu o placar apertado, apesar de ficar com dois jogadores a mais em boa parte da etapa final do confronto. O time andreense ultrapassou o São Bernardo, subindo para a terceira posição, com 17 pontos. Já o Massa Bruta estacionou nos 7, e está eliminado do torneio.

O etapa inicial do embate foi de muita marcação e poucos espaços. O Santo André teve maior posse de bola e volume de jogo, mas criou poucos lances de perigo. Em situação delicada, o Bragantino abusou das faltas e explorou as jogadas de bola parada. O primeiro tempo ficou paralisado por 12 minutos em situação inusitada. A arbitragem interrompeu a partida após ser avisado da ausência de ambulância. Houve a necessidade da saída de um médico junto com uma unidade para levar torcedor, desmaiado, até o hospital.

Aos 55 minutos, Gilberto lutou pela posse de bola no meio de campo e tocou para Natan. O jogador invadiu a área e chutou com categoria no alto do gol para abrir o placar.

Logo no começo do segundo tempo, Natan deixou o campo, lesionado. Aos 20, Marquinhos recebeu o segundo amarelo e foi expulso. Cauteloso, o Santo André não buscou ser incisivo, e desperdiçava as chances que surgiam.

Foram três faltas frontais, batidas sem direção. Aos 38, Júnior Goiano também foi expulso. Mesmo assim, o Ramalhão não aproveitou a superioridade numérica para liquidar o jogo.
Ambos voltam a campo na quarta-feira. O Santo André recebe o Santos. O Bragantino visita o São Bernardo.

Palhavam admitiu receio com retrospecto

Logo após o término da partida, o técnico do Santo André, José Carlos Palhavam, valorizou a vitória do time ao sustentar que o confronto “foi difícil e contra equipe de tradição”. Admitiu, contudo, que faltou mais chegada na linha de frente, citando que o Ramalhão optou por mais posse de bola depois de retrospecto ruim em casa. “Nosso objetivo era a vitória, já que de quatro jogos no Brunão, nós havíamos perdido três. Fica esse negócio na cabeça, precisávamos ter tranquilidade e fazer diferente. Foi vitória para nos dar tranquilidade.”

Palhavam pontuou que o Santo André até poderia forçar com dois jogadores a mais na etapa final, no entanto, ponderou que o resultado favorável “é o mais importante”. “Fundamental. Dá moral aos atletas.”

O técnico mostrou preocupação com a lesão de Natan, embora não se soubesse, naquele momento, o grau da contusão. Segundo ele, a comissão técnica vai tratar, inclusive, a possibilidade de poupar o jogar em outros jogos para evitar agravar a situação. “Preocupa. Apesar do retorno do David (Ribeiro) e do (Matheus) Santiago, que já estão liberados e voltaram a trabalhar, ele é jogador importante para o esquema, na linha de frente, que retém bem a bola, retém a chegada, sabe fazer gol”, disse o treinador. “Se precisar deixar ele fora, tranquilo. Qualquer problema, vamos poupar (o Natan).”  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;