Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 5 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

diarinho@dgabc.com.br | 4435-8396

Espinafre deixa a gente forte?


Caroline Ropero
Especial para o Diário

20/02/2011 | 07:06


Embora o Popeye devore latas de espinafre para ganhar força imediata, esse vegetal fornece, na verdade, energia. É que possui uma substância chamada nitrato, que aumenta a capacidade de o organismo realizar as atividades diárias, fazendo com que os músculos trabalhem melhor. E não é só isso: outras substâncias presentes nessa verdura - como fibras, vitamina C, zinco, ferro, sódio - ajudam no funcionamento de todo corpo, protegendo-o contra algumas doenças.

Mas isso não ocorre só com o espinafre. Outros alimentos são ricos em nitrato e vitaminas, como beterraba, cenoura, couve, verduras de folhas verdes-escuras (principalmente o brócolis). Se o seu prato tiver alguns deles todos os dias, você sentirá mais energia para brincar e fará exercícios com menos esforço.

Apesar dos benefícios, o espinafre possui uma substância chamada ácido oxálico, que pode fazer mal. Em excesso, ele diminui a absorção de cálcio e favorece a formação de pedrinhas nos rins. Para eliminar esse risco, basta consumí-lo cozido. Dessa forma, o vegetal perde a substância que pode ser prejudicial.

TEM MAIS - Para ser forte é importante comer de tudo um pouquinho, diariamente. A proteína encontrada na carne, leite, feijão, entre outros, também ajuda a formar músculos fortes. Mas isso não basta.

Se quer ser como o Popeye, é preciso também se exercitar. Brincar e praticar esportes ajudam a ter um braço forte.

Dos quadrinhos à TV

A história de que o espinafre deixa a gente forte surgiu nos Estados Unidos, nos anos 1920, depois que a produção desse vegetal começou a sobrar nas lavouras. Para vender o produto, o governo norte-americano precisou encontrar uma forma de fazer a população desejá-lo; por isso, criou uma história em quadrinhos em que o personagem comia espinafre. Foi assim que surgiu a história do marinheiro que fica muito forte após comer uma lata de espinafre. Com isso, a garotada passou a associar a força ao alimento.

Das HQs, Popeye foi para a TV e depois para o cinema. Na trama, o marinheiro vive protegendo a namorada Olívia Palito do concorrente Brutos, que é apaixonado pela jovem. Para lutar com o rival, come uma lata de espinafre e ganha força e confiança para vencê-lo.

Quanto mais cor, melhor

A melhor maneira de saber se está se alimentando bem é olhar a cor do que tem no prato. Se estiver tudo no mesmo tom, está na hora de mudar. O prato tem de ser bem colorido! É que cada cor de alimento fornece um nutriente diferente, trazendo um benefício. O bordô da beterraba, por exemplo, vem das antocianinas, pigmentos que combatem as substâncias que podem fazer mal para as células sadias.

É preciso ter de cinco a sete cores diferentes (intercalando-as entre as refeições). O ideal é não repetir sempre os mesmos legumes e verduras. O mesmo vale para as frutas. Coma uma diferente em cada refeição: nada de devorar quatro bananas. Troque-as, por exemplo, por uma banana, uma laranja, uma maçã e uma fatia de mamão.

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Espinafre deixa a gente forte?

Caroline Ropero
Especial para o Diário

20/02/2011 | 07:06


Embora o Popeye devore latas de espinafre para ganhar força imediata, esse vegetal fornece, na verdade, energia. É que possui uma substância chamada nitrato, que aumenta a capacidade de o organismo realizar as atividades diárias, fazendo com que os músculos trabalhem melhor. E não é só isso: outras substâncias presentes nessa verdura - como fibras, vitamina C, zinco, ferro, sódio - ajudam no funcionamento de todo corpo, protegendo-o contra algumas doenças.

Mas isso não ocorre só com o espinafre. Outros alimentos são ricos em nitrato e vitaminas, como beterraba, cenoura, couve, verduras de folhas verdes-escuras (principalmente o brócolis). Se o seu prato tiver alguns deles todos os dias, você sentirá mais energia para brincar e fará exercícios com menos esforço.

Apesar dos benefícios, o espinafre possui uma substância chamada ácido oxálico, que pode fazer mal. Em excesso, ele diminui a absorção de cálcio e favorece a formação de pedrinhas nos rins. Para eliminar esse risco, basta consumí-lo cozido. Dessa forma, o vegetal perde a substância que pode ser prejudicial.

TEM MAIS - Para ser forte é importante comer de tudo um pouquinho, diariamente. A proteína encontrada na carne, leite, feijão, entre outros, também ajuda a formar músculos fortes. Mas isso não basta.

Se quer ser como o Popeye, é preciso também se exercitar. Brincar e praticar esportes ajudam a ter um braço forte.

Dos quadrinhos à TV

A história de que o espinafre deixa a gente forte surgiu nos Estados Unidos, nos anos 1920, depois que a produção desse vegetal começou a sobrar nas lavouras. Para vender o produto, o governo norte-americano precisou encontrar uma forma de fazer a população desejá-lo; por isso, criou uma história em quadrinhos em que o personagem comia espinafre. Foi assim que surgiu a história do marinheiro que fica muito forte após comer uma lata de espinafre. Com isso, a garotada passou a associar a força ao alimento.

Das HQs, Popeye foi para a TV e depois para o cinema. Na trama, o marinheiro vive protegendo a namorada Olívia Palito do concorrente Brutos, que é apaixonado pela jovem. Para lutar com o rival, come uma lata de espinafre e ganha força e confiança para vencê-lo.

Quanto mais cor, melhor

A melhor maneira de saber se está se alimentando bem é olhar a cor do que tem no prato. Se estiver tudo no mesmo tom, está na hora de mudar. O prato tem de ser bem colorido! É que cada cor de alimento fornece um nutriente diferente, trazendo um benefício. O bordô da beterraba, por exemplo, vem das antocianinas, pigmentos que combatem as substâncias que podem fazer mal para as células sadias.

É preciso ter de cinco a sete cores diferentes (intercalando-as entre as refeições). O ideal é não repetir sempre os mesmos legumes e verduras. O mesmo vale para as frutas. Coma uma diferente em cada refeição: nada de devorar quatro bananas. Troque-as, por exemplo, por uma banana, uma laranja, uma maçã e uma fatia de mamão.

 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;