Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 6 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Israel expulsa palestinos de agência de ligação de Jericó


Da AFP

10/04/2006 | 11:38


O Exército israelense ordenou aos policiais palestinos da agência de ligação perto de Jericó, na Cisjordânia, que abandonassem o local.

"A decisão foi adotada pelo gabinete político, que pretende suprimir qualquer contato com a Autoridade Palestina dominada pelo Hamas. Porém, teremos um mínimo de coordenação para solucionar os casos humanitários", informou uma porta-voz militar.

A agência de ligação, um edifício que até então era ocupado por israelenses e palestinos, fica na entrada do assentamento de Vered Jericó.

"A partir do momento que o Hamas assumiu o controle da Autoridade Palestina, esta é considerada hostil até nova ordem e evitamos qualquer contato com a mesma", explicou o ministro sem pasta Tzahi Hanegbi à rádio pública israelense.

"Porém, não boicotamos Abu Mazen (Mahmud Abbas) e não queremos atentar contra seu status de presidente da Autoridade Palestina", acrescentou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Israel expulsa palestinos de agência de ligação de Jericó

Da AFP

10/04/2006 | 11:38


O Exército israelense ordenou aos policiais palestinos da agência de ligação perto de Jericó, na Cisjordânia, que abandonassem o local.

"A decisão foi adotada pelo gabinete político, que pretende suprimir qualquer contato com a Autoridade Palestina dominada pelo Hamas. Porém, teremos um mínimo de coordenação para solucionar os casos humanitários", informou uma porta-voz militar.

A agência de ligação, um edifício que até então era ocupado por israelenses e palestinos, fica na entrada do assentamento de Vered Jericó.

"A partir do momento que o Hamas assumiu o controle da Autoridade Palestina, esta é considerada hostil até nova ordem e evitamos qualquer contato com a mesma", explicou o ministro sem pasta Tzahi Hanegbi à rádio pública israelense.

"Porém, não boicotamos Abu Mazen (Mahmud Abbas) e não queremos atentar contra seu status de presidente da Autoridade Palestina", acrescentou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;