Fechar
Publicidade

Sábado, 28 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Trabalhadores da Polimetri, de Mauá, entram em greve

Profissionais reclamam do valor da PLR


Leone Farias

23/06/2012 | 06:24


Os trabalhadores da indústria de autopeças Polimetri, de Mauá, entraram em greve. A decisão foi tomada em assembleia na quinta-feira, quando os empregados recusaram proposta da empresa de pagar R$ 2.750 de PLR (Participação nos Lucros e Resultados). Esse valor proposto é 10% maior do que o benefício pago em 2011.

Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos de Santo André e Mauá, os funcionários reivindicavam R$ 3.500 de participação. A paralisação é por tempo indeterminado.

A empresa informa que 70% dos funcionários seguem trabalhando e que foi proposto reajuste de 10% no PLR apesar do momento da economia, que está em retração. A companhia conta com 650 funcionários. Em 2011, eram 1.100. O gerente administrativo-financeiro da Polimetri, Guilherme Pelegrini, cita que as medidas de incentivo adotadas pelo governo ainda não surtiram efeito. A metalúrgica entrou com pedido de dissídio na Justiça.

PESQUISA - O cenário da indústria continua ruim, aponta a Sondagem Industrial de maio, divulgada ontem, pela CNI (Confederação Nacional da Indústria). O nível de utilização da capacidade instalada está abaixo do usual para maio e os estoques continuam elevados.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;