Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 4 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Justiça quebra sigilo de suspeitos de matar mendigos


Do Diário OnLine

18/09/2004 | 13:49


A Justiça quebrou neste sábado o sigilo telefônico de sete pessoas suspeitas de terem participado dos assassinatos de mendigos no Centro de São Paulo, entre os dias 19 e 22 de agosto. O objetivo é investigar o esquema de segurança clandestina, ataques e tráfico de drogas que a polícia suspeita estar por trás das mortes dos moradores de rua.

Dois policiais militares e um segurança já estão detidos. Os PMs Marcos Martins Garcia e Jaime Aurélio Porcírio tiveram a prisão temporária decretada por 30 dias, enquanto Manuel Alves Tenório, por dez dias. Um outro segurança é o quarto suspeito identificado, mas ainda não foi detido.

Além deles, um guarda civil, um soldado e um cabo da Polícia Militar também estão sob suspeita de ligação com os crimes. Na sexta-feira, documentos e objetos foram apreendidos em quatro endereços dos policiais militares.

Os ataques aos mendigos deixaram sete mortos e oito feridos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;