Fechar
Publicidade

Sábado, 8 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

ABPO: venda de papelão ondulado cresce 9,6% em junho ante maio



10/07/2020 | 11:13


São Paulo, 10 - As vendas de papelão ondulado utilizados em embalagens - caixas, acessórios e chapas - cresceram 9,61% em junho ante maio e 6,21% ante um ano atrás, totalizando 291.837 toneladas, de acordo com dados prévios divulgados pela Associação Brasileira do Papelão Ondulado (ABPO).

Em nota, a entidade ressalta que este é o primeiro resultado positivo após dois meses de queda influenciada pela redução da atividade econômica durante o período da pandemia no Brasil. Entre os meses de junho, o resultado também é superior a todos os anos, com exceção de 2018.

Com um dia útil a mais do que junho do ano anterior (25 dias úteis em junho de 2020 versus 24 dias úteis em junho de 2019), a produção por dia útil cresceu em 2% para 11.673 toneladas.

Considerando os dados livres de influência sazonal, a expedição de papelão ondulado subiu 12% em junho, para 299.098 toneladas, após acumular perdas no bimestre abril-maio.

Em termos trimestrais, o volume expedido no segundo trimestre foi de 865.638 toneladas, 7,8% menor do que o trimestre anterior, nos dados ajustados sazonalmente. Segundo a entidade, este representa o menor resultado trimestral desde o segundo trimestre de 2018.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

ABPO: venda de papelão ondulado cresce 9,6% em junho ante maio


10/07/2020 | 11:13


São Paulo, 10 - As vendas de papelão ondulado utilizados em embalagens - caixas, acessórios e chapas - cresceram 9,61% em junho ante maio e 6,21% ante um ano atrás, totalizando 291.837 toneladas, de acordo com dados prévios divulgados pela Associação Brasileira do Papelão Ondulado (ABPO).

Em nota, a entidade ressalta que este é o primeiro resultado positivo após dois meses de queda influenciada pela redução da atividade econômica durante o período da pandemia no Brasil. Entre os meses de junho, o resultado também é superior a todos os anos, com exceção de 2018.

Com um dia útil a mais do que junho do ano anterior (25 dias úteis em junho de 2020 versus 24 dias úteis em junho de 2019), a produção por dia útil cresceu em 2% para 11.673 toneladas.

Considerando os dados livres de influência sazonal, a expedição de papelão ondulado subiu 12% em junho, para 299.098 toneladas, após acumular perdas no bimestre abril-maio.

Em termos trimestrais, o volume expedido no segundo trimestre foi de 865.638 toneladas, 7,8% menor do que o trimestre anterior, nos dados ajustados sazonalmente. Segundo a entidade, este representa o menor resultado trimestral desde o segundo trimestre de 2018.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;