Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Claudinho tem até amanhã para defesa

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Prefeito de Rio Grande da Serra tenta evitar cassação, mas tem tido sucessivas derrotas


Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

05/12/2021 | 00:11


Acaba amanhã o prazo para que o prefeito de Rio Grande da Serra, Claudinho da Geladeira (PSDB), entregue sua defesa para as duas comissões processantes que atuam na Câmara pela cassação do mandato do chefe do Executivo. 

Na semana passada, Claudinho foi notificado pelo advogado da Câmara sobre o encerramento das oitivas e da elaboração dos relatórios finais das duas comissões. Assim que recebeu a intimação, o prefeito foi avisado que teria cinco dias para elaborar sua estratégia. Como a contagem do período caía em um sábado (ontem), o prazo foi estendido até amanhã.

 Antes disso, entretanto, as comissões processantes tentaram notificar o chefe do Executivo em diversas oportunidades, mas não conseguiram encontrar o prefeito. Os advogados da Câmara buscaram entregar a intimação a Claudinho em três oportunidades. Até um BO (Boletim de Ocorrência) foi elaborado para assegurar a entrega da notificação ao mandatário da cidade.

Claudinho responde a dois processos de impeachment. Um deles é referente a fura-fila da vacinação contra a Covid-19 e o outro apura o motivo de o Executivo não responder aos pedidos de informação elaborados pela oposição. Desde o início da formação dos blocos, o tucano age para tentar melar a atuação dos parlamentares. Dessa forma, coleciona derrotas na Justiça e as comissões continuam os trabalhos normalmente.

As duas comissões que pedem cassação do prefeito devem entregar o relatório final somente no dia 15 de dezembro. Será esta documentação que os vereadores deverão apreciar e votar. Caso os parlamentares aceitem os argumentos dos blocos, Claudinho da Geladeira será afastado do comando da cidade. Para isso, será necessário que dois terços – nove dos 13 vereadores da casa – acatem o parecer final das comissões. O Diário apurou que esse é exatamente o tamanho da bancada que faz oposição a Claudinho hoje no Legislativo. 

Visando estratégia de defesa, Claudinho da Geladeira arrolou o deputado federal com base em São Bernardo, Alex Manente (Cidadania), e também a deputada estadual, também de São Bernardo, Carla Morando (PSDB). Manente chegou a depor (virtualmente), já a parlamentar tucana faltou três vezes e não foi ouvida. O período das oitivas foi encerrado.

Por meio de nota, o prefeito Claudinho da Geladeira afirmou que a sua defesa será entregue no prazo estipulado. “Em relação ao conteúdo, não podemos adiantar, pois a peça não está pronta”, alegou o tucano. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;