Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 8 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Anac inicia auditoria na TAM para evitar caos no Reveillon


Do Diário OnLine

26/12/2006 | 13:26


A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) iniciou nesta terça-feira uma auditoria na central de reservas da TAM e uma vistoria nas demais companhias aéreas. O objetivo da fiscalização é evitar que os transtornos enfrentados pelos passageiros na véspera e durante o Natal se repitam no feriado do Ano Novo.

A auditoria acontece na sede administrativa da TAM, que fica na Zona Sul de São Paulo. A agência irá analisar documentos para descobrir porque houve desequilíbrio entre o número de passagens vendidas e a capacidade operacional da companhia.

Caso seja confirmada a prática de “overbooking” (venda de passagens acima da capacidade de aeronave), a TAM poderá ser punida. A companhia atribui a diferença entre passagens vendidas e passageiros embarcados à manutenção não prevista de seis aeronaves, na última terça-feira.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Anac inicia auditoria na TAM para evitar caos no Reveillon

Do Diário OnLine

26/12/2006 | 13:26


A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) iniciou nesta terça-feira uma auditoria na central de reservas da TAM e uma vistoria nas demais companhias aéreas. O objetivo da fiscalização é evitar que os transtornos enfrentados pelos passageiros na véspera e durante o Natal se repitam no feriado do Ano Novo.

A auditoria acontece na sede administrativa da TAM, que fica na Zona Sul de São Paulo. A agência irá analisar documentos para descobrir porque houve desequilíbrio entre o número de passagens vendidas e a capacidade operacional da companhia.

Caso seja confirmada a prática de “overbooking” (venda de passagens acima da capacidade de aeronave), a TAM poderá ser punida. A companhia atribui a diferença entre passagens vendidas e passageiros embarcados à manutenção não prevista de seis aeronaves, na última terça-feira.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;