Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 26 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

São Paulo incentiva áreas compartilhadas


Raphael Rocha

01/02/2018 | 07:00


O governo estadual acaba de aderir à tendência mundial do trabalho compartilhado, conhecido por coworking. Numa ação para apoiar o empreendedorismo no Estado, o governador Geraldo Alckmin assinou parceria com a Fundação Telefônica Vivo e criou na segunda-feira um local público que junta instituições de ensino e espaços colaborativos de trabalho num mesmo ambiente. Segundo o Palácio dos Bandeirantes, os resultados indicarão o caminho para que a iniciativa chegue a outras cidades paulistas. O objetivo inicial é apoiar micro e pequenas empresas e microempreendedores individuais. O novo projeto foi batizado de Acessa Campus e vai funcionar a partir de março no bairro Santana, na Capital. Serão 835 metros quadrados de espaço, com cerca de 100 posições de trabalho, além de sala de reuniões e espaço lounge. Terá uma sala aberta ao público.

Como funciona
Serão selecionadas 80 pessoas para ocupar as salas de coworking por dez meses, com apoio de profissionais para o desenvolvimento de projetos de forma gratuita. Em contrapartida, devem oferecer palestras, treinamento ou consultoria para a comunidade. Sessenta deles serão acompanhados pela Fundação Telefônica Vivo por meio do Pense Grande, programa em parceria com a rede global de empreendedores Impact Hub, que busca estimular ações de empreendedorismo social entre jovens de escolas públicas.

A força do Interior
Há quatro décadas, em 1977, Limeira recebia a que viria a ser uma das principais plantas para a produção de alimentos, insumos e aminoácidos do mundo. A Ajinomoto inaugurava sua primeira fábrica no Brasil. Quatro décadas depois, agora com mais de 1.800 funcionários, a fábrica é a principal produtora mundial de glutamato monossódico (MSG). A planta de Limeira foi ampliada recentemente como parte do pacote de investimentos de R$ 325 milhões, realizados pela empresa entre os anos fiscais de 2014 e 2016. A planta de Limeira é fundamental para a atuação da Ajinomoto do Brasil no mundo, diz Carlos Takata, diretor industrial da unidade. “Além da ótima oferta de matéria-prima e de mão de obra, a região é estratégica por facilitar o escoamento dos produtos e garantir o abastecimento dos mercados interno e externo”. A expansão mostra a confiança da empresa no desenvolvimento do Estado e na importância do mercado consumidor paulista, analisa Sérgio Costa, diretor de negócios da Investe-SP.

E mais
- A Nestlé está investindo R$ 84,4 milhões em sua unidade de Araras entre os anos de 2016 e 2018. A fábrica é a primeira da multinacional no País, instalada em 1921 para a produção do leite condensado.
- A primeira unidade de desossa e processamento de carne de bovinos da raça japonesa wagyu será construída pela empresa Kobe Premium em Americana.

Sonho da terceira idade
Santos é a melhor cidade brasileira para quem tem mais de 60 anos morar, segundo pesquisa do Instituto de Longevidade Mongeral Aegon e Fundação Getulio Vargas. Entre as 20 primeiras do ranking, fazem parte São José do Rio Preto, Ribeirão Preto, Jundiaí, Americana, Campinas, Presidente Prudente, Bauru, Araraquara, São Carlos e Santo André. Foram levados em conta fatores como força econômica, serviços de Saúde, estilo de vida ativo, oportunidades de estímulo intelectual, estrutura de habitação e índices de violência menores.

Agilidade
Uma boa notícia para os pacientes inscritos nos serviços de busca por vagas em hospitais municipais e estaduais no Estado. Foi aprovada pelo governo estadual lei que integra os serviços de busca na Cross (Central de Regulação de Ofertas de Serviço de Saúde) e o Siga (Sistema Integrado de Gestão da Assistência à Saúde), operados pelas secretarias estaduais e municipais de Saúde, respectivamente.

Mudança no TJ paulista
No próximo dia 5, o desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças tomará posse como presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo para o biênio 2018/2019. Ele defende intercâmbio e harmonia entre os poderes do Estado como base “para que tenhamos um Estado democrático de Direito e para que São Paulo continue exercendo seu protagonismo frente ao povo brasileiro”. Pereira Calças nasceu em 1950 em Lins e é bacharel em Direito pela Faculdade de Direito de Bauru. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;