Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Sondagem da Construção mostra queda nos indicadores de atividade e emprego

Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


29/01/2020 | 10:53


A Sondagem Indústria da Construção, divulgada nesta quarta-feira (29) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), mostrou que o indicador de evolução de atividade recuou para 45,8 pontos e o número de empregados diminuiu para 45,1 pontos em dezembro. Os dois índices continuam abaixo dos 50 pontos, que separa o aumento da redução na produção e emprego.

Já o indicador de utilização da capacidade operacional ficou em 59% em dezembro de 2019.

"Os meses entre novembro e janeiro apresentam sazonalidade desfavorável ao setor da construção, portanto a queda mais acentuada em dezembro é esperada e não caracteriza interrupção do no processo de recuperação observada ao longo do ano passado", diz a Sondagem.

Confiança para investir

A mesma Sondagem da CNI indicou que os empresários da construção estão mais confiantes e mais propensos a investir. O Índice de Confiança do Empresário da Indústria da Construção (ICEI-Construção) subiu 0,9 ponto em relação a dezembro de 2019 e atingiu 64 pontos neste mês, o que é o maior nível desde dezembro de 2010. O índice varia de zero a 100 pontos, sendo que acima de 50 revela que os empresários estão confiantes.

A Sondagem foi feita entre os dias 6 e 17 de janeiro com 493 empresas do setor.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sondagem da Construção mostra queda nos indicadores de atividade e emprego


29/01/2020 | 10:53


A Sondagem Indústria da Construção, divulgada nesta quarta-feira (29) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), mostrou que o indicador de evolução de atividade recuou para 45,8 pontos e o número de empregados diminuiu para 45,1 pontos em dezembro. Os dois índices continuam abaixo dos 50 pontos, que separa o aumento da redução na produção e emprego.

Já o indicador de utilização da capacidade operacional ficou em 59% em dezembro de 2019.

"Os meses entre novembro e janeiro apresentam sazonalidade desfavorável ao setor da construção, portanto a queda mais acentuada em dezembro é esperada e não caracteriza interrupção do no processo de recuperação observada ao longo do ano passado", diz a Sondagem.

Confiança para investir

A mesma Sondagem da CNI indicou que os empresários da construção estão mais confiantes e mais propensos a investir. O Índice de Confiança do Empresário da Indústria da Construção (ICEI-Construção) subiu 0,9 ponto em relação a dezembro de 2019 e atingiu 64 pontos neste mês, o que é o maior nível desde dezembro de 2010. O índice varia de zero a 100 pontos, sendo que acima de 50 revela que os empresários estão confiantes.

A Sondagem foi feita entre os dias 6 e 17 de janeiro com 493 empresas do setor.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;