Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 19 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

PSDB aprova avanço no entendimento com Cidadania para federação partidária



27/01/2022 | 13:30


A Executiva Nacional do PSDB aprovou nesta quinta-feira por unanimidade o que chama de avanço no entendimento com o Cidadania para a formação de uma federação partidária, informa a legenda em nota. "Temos um levantamento preliminar que indica que a federação é bem-vinda. Precisamos avançar no regramento para essa convivência. O Cidadania tem sido parceiro importante do PSDB e há convergência política tanto nas eleições quanto no Legislativo", diz o presidente do PSDB, Bruno Araújo, na nota.

De acordo com o PSDB, os líderes tucanos defenderam na reunião da Executiva que a decisão final sobre a federação com o Cidadania seja tomada "o quanto antes". "Para que também se definam mais rapidamente as chapas que vão disputar as eleições estaduais e nacionais", acrescenta o comunicado oficial.

"Além das aproximações já adiantadas pelas lideranças nos Estados, as conversas continuarão sendo conduzidas pelo presidente Bruno Araújo, o secretário-geral Beto Pereira e os líderes na Câmara, Adolfo Viana, e no Senado, Izalci Lucas, com o objetivo de mapear e aparar eventuais arestas regionais", finalizada a nota do PSDB.

A federação partidária é uma novidade das eleições de 2022 e cria uma "fusão temporária" entre os partidos que precisa durar pelo menos quatro anos. A possibilidade foi criada pelo Congresso no ano passado e regulamentada por uma resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Para siglas menores, a federação oferece a chance de escapar da chamada cláusula de barreira, dispositivo que restringe a atuação parlamentar de um partido que não alcançar determinado porcentual de votos. Para as legendas maiores, oferece a chance de conquistar mais vagas no Congresso.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;