Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 16 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Expo Bríndice gira até R$ 150 milhões


Mauro Fernando
Do Diário do Grande ABC

13/07/2008 | 07:14


Os negócios fechados na 15ª Expo Bríndice (Feira de Brindes, Produtos Promocionais, Presentes Corporativos & Mídia Extensiva), que se estende de terça a sexta-feira no Centro de Eventos São Luís, em São Paulo, devem movimentar R$ 5 milhões. É o que prevê o organizador do evento, Luiz Roberto Salvador.

"Na verdade, esse valor é pequeno diante do que o pós-evento gera. Esperamos até R$ 150 milhões, um aumento de mais de 10% em relação a 2007", afirma Salvador. O pós-feira a que ele se refere são os contratos assinados depois de encerrada a exposição.

Salvador apresenta o brinde como "uma ferramenta de marketing de primeira linha, importante para alavancar vendas". "Ele é muito usado em campanhas de lançamento de produtos e traz retorno imediato, desde que bem usado. Um cachecol no verão, por exemplo, não funciona."

A estimativa de faturamento do setor para 2008 é de R$ 6,3 bilhões, um avanço frente ao registrado no ano passado: R$ 5,7 bilhões. "A previsão, porém, era de R$ 6 bilhões. O setor quase não cresceu em 2007, houve uma pequena recessão no meio do ano que parou o mercado."

O setor manteve, segundo Salvador, 115 mil empregos em 2007. Ele avalia que, no fim deste ano, "por causa da automação e do aperfeiçoamento do sistema de trabalho", esse número caia para 103 mil e estima a criação de 30 mil a 40 mil empregos temporários ao longo do ano. Ele estima que o quarto trimestre responde por 45% do volume de vendas do ano e o segundo semestre, por 60%.

Um dos problemas que a indústria brasileira de brindes enfrenta é a valorização do real perante o dólar, o que torna barata a importação. "Creio que produtos chineses ocupem de 10% a 20% do faturamento total", diz.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;