Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 16 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Presidente da CVC Corp deixa o cargo

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Anúncio aconteceu após empresa admitir falhas contábeis nos balanços dos últimos anos


Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

05/03/2020 | 20:58


O presidente da CVC Corp Luiz Fernando Fogaça anunciou que deve deixar a empresa até o final do março. O executivo Leonel Andrade, ex-CEO da Smiles, deve assumir o cargo. O anúncio aconteceu em meio a desvalorização das ações da empresa (mais de 50% desde o início do ano) que admitiu falhas contábeis nos balanços dos últimos anos, na semana anterior.

Em comunicado interno, Fogaça afirmou que foi um período de aprendizado e agradeceu ao fundador da empresa, Guilherme Paulus e adianta a contratação de Leonel Andrade, aprovada pelo Conselho de Administração. "Leonel vem aportar na CVC Corp a sua vasta experiência e ajudar a companhia a continuar com seus planos de crescimento e da jornada de transformação digital e de conhecimento do cliente", informou no comunicado.

A CVC confirmou a troca de cadeiras em fato relevante, informando que os efeitos da renúncia de Fogaça, que tinha 10 anos de empresa, são a partir de 30 de março de 2020, "sendo certo que até tal data o executivo continuará no exercício de suas funções de forma a contribuir no processo de sucessão", informou.

Ontem, as ações da CVC encerraram o pregão da B3 cotadas a R$ 20.


HISTÓRICO - 
Em fato relevante divulgado na última sexta-feira, a empresa afirmou aos investidores que Indícios apontam erros na contabilização de valores transferidos aos fornecedores de serviços turísticos referentes às receitas própria. “Em uma avaliação preliminar, estima-se que o impacto potencial acumulado dos referidos ajustes na receita líquida de vendas da companhia seja da ordem de R$ 250 milhões, considerando os exercícios sociais de 2015 a 2019”." 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;