Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Como erva daninha


Do Diário do Grande ABC

26/07/2020 | 08:00


A economia mundial praticamente entrou em colapso devido à proliferação do novo coronavírus, inimigo invísivel que obrigou a maior parte da população a ficar retida em casa e paralisou o setor produtivo por cerca de quatro meses na região. Mas, como mostra reportagem de hoje deste Diário sobre o volume de ocorrências envolvendo drogas nas sete cidades, entre janeiro e maio, o tráfico se manteve em intensa atividade e respondeu por 525 dos 660 registros. Em que pese o número ser menor do que os 791 casos no mesmo período do ano passado, não deixa de ser um dado alarmante.

Muito antes de se comemorar a redução, é preciso avaliar com preocupação a expectativa do coronel Renato Nery Machado, comandante da Polícia Militar no Grande ABC, de que a queda teve relação direta com o isolamento físico ao qual os moradores foram submetidos devido à pandemia. E que, a partir de agora, com a flexibilização, é bem possível que os números voltem a patamares mais elevados.

Afinal, o fato de mais pessoas voltarem às atividades normais do dia a dia, o que para muitos inclui frequentar bares e casas noturnas, facilita a circulação daqueles que são responsáveis por fazer as drogas chegarem nos consumidores. E torna mais difícil o trabalho dos agentes de segurança, que, apesar dos trabalhos de inteligência, muitas vezes dependem de denúncias anônimas para desmantelar quadrilhas do tráfico.

Não por acaso, foi assim que policiais de São Bernardo chegaram a nada menos do que 2.314 quilos de maconha escondidos no meio de carga de milho a granel em caminhão no bairro Cooperativa, no município. Quantidade que certamente encheria os bolsos dos traficantes, mas que provavelmente levaria tristeza a centenas de famílias. Combater os traficantes é, sem sombra de dúvida, enxugar gelo, porque esse tipo de criminoso nasce como erva daninha. Porém, quanto mais dos seus produtos forem tirados de circulação, menos força terão. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;