Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 25 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Presidente da Opep discute hoje produção de petróleo com Irã, Iraque e Venezuela



17/02/2016 | 06:37


O ministro de Energia do Catar e atual presidente da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), Mohammed al-Sada, está se encaminhando hoje para Teerã para discutir mais tarde um plano para limitar a produção da commodity com ministros do Irã, Venezuela e Iraque, segundo fontes com conhecimento do assunto.

O presidente da Opep está confiante de que o Irã concordará em participar de uma ação coordenada da Opep e de produtores de fora do grupo para congelar a produção em níveis similares aos de janeiro, disseram as fontes.

Arábia Saudita e Rússia, os dois maiores exportadores de petróleo do mundo, além de Venezuela e Catar, anunciaram ontem um acordo, em Doha, para impedir o aumento da produção de petróleo, contanto que outros grandes produtores, como Iraque e Irã, façam o mesmo.

Ontem, porém, o Irã sinalizou que não está disposto a abrir mão de sua fatia no mercado de petróleo. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Presidente da Opep discute hoje produção de petróleo com Irã, Iraque e Venezuela


17/02/2016 | 06:37


O ministro de Energia do Catar e atual presidente da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), Mohammed al-Sada, está se encaminhando hoje para Teerã para discutir mais tarde um plano para limitar a produção da commodity com ministros do Irã, Venezuela e Iraque, segundo fontes com conhecimento do assunto.

O presidente da Opep está confiante de que o Irã concordará em participar de uma ação coordenada da Opep e de produtores de fora do grupo para congelar a produção em níveis similares aos de janeiro, disseram as fontes.

Arábia Saudita e Rússia, os dois maiores exportadores de petróleo do mundo, além de Venezuela e Catar, anunciaram ontem um acordo, em Doha, para impedir o aumento da produção de petróleo, contanto que outros grandes produtores, como Iraque e Irã, façam o mesmo.

Ontem, porém, o Irã sinalizou que não está disposto a abrir mão de sua fatia no mercado de petróleo. Fonte: Dow Jones Newswires.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;