Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 20 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

PE: polícia pede prisão de suspeitos de matar criança

A menina de 6 anos morreu após ser violentada; ela disse
aos policiais que havia sido vítima de um tio e de um vizinho


Do Diário OnLine

31/05/2010 | 07:00


A polícia de Goiana, em Pernambuco, pediu nesta segunda-feira a prisão preventiva dos dois suspeitos de abusar sexualmente de uma menina de 6 anos. A criança não resistiu aos ferimentos e morreu depois de ser violentada. No entanto, antes de falecer, ela disse aos policiais que havia sido vítima de um tio e de um vizinho.

"Um policial estava com a menina no hospital enquanto ela recebia atendimento médico e perguntou a ela, minutos antes do óbito, quem tinha feito aquilo com ela. Ela disse que tinha sido o ‘titio'' e o vizinho, e nos deu o nome de ambos", disse o delegado adjunto de Goiana, Herbert Arantes Martins.

A criança foi encontrada, na madrugada de sexta-feira (28), com sinais de espancamento e abuso sexual. A família sentiu falta da menina, por volta das 17h, da quinta-feira e durante as buscas achou a criança coberta por folhas, pedras e terra. A menor não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã de sexta-feira.

Segundo Martins, enquanto a menina recebia atendimento médico, o tio estava com os policiais no local do crime. Os dois negaram as acusações, mas estão detidos desde a última sexta-feira.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

PE: polícia pede prisão de suspeitos de matar criança

A menina de 6 anos morreu após ser violentada; ela disse
aos policiais que havia sido vítima de um tio e de um vizinho

Do Diário OnLine

31/05/2010 | 07:00


A polícia de Goiana, em Pernambuco, pediu nesta segunda-feira a prisão preventiva dos dois suspeitos de abusar sexualmente de uma menina de 6 anos. A criança não resistiu aos ferimentos e morreu depois de ser violentada. No entanto, antes de falecer, ela disse aos policiais que havia sido vítima de um tio e de um vizinho.

"Um policial estava com a menina no hospital enquanto ela recebia atendimento médico e perguntou a ela, minutos antes do óbito, quem tinha feito aquilo com ela. Ela disse que tinha sido o ‘titio'' e o vizinho, e nos deu o nome de ambos", disse o delegado adjunto de Goiana, Herbert Arantes Martins.

A criança foi encontrada, na madrugada de sexta-feira (28), com sinais de espancamento e abuso sexual. A família sentiu falta da menina, por volta das 17h, da quinta-feira e durante as buscas achou a criança coberta por folhas, pedras e terra. A menor não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã de sexta-feira.

Segundo Martins, enquanto a menina recebia atendimento médico, o tio estava com os policiais no local do crime. Os dois negaram as acusações, mas estão detidos desde a última sexta-feira.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;