Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Azulão estreia em casa diante da Ponte

Equipe de Sérgio Guedes busca a segunda vitória na
Série B do Brasileiro amanhã, às 16h10, no Anacleto


Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

29/05/2010 | 07:00


Enfim, o São Caetano estreia em casa na Série B do Brasileiro. Terá como oponente, às 16h10, a invicta Ponte Preta. O time mandou dois jogos no Canindé porque o Anacleto Campanella estava interditado por falta de laudo de infraestrutura e só foi liberado no meio da semana.

O confronto simboliza o que as equipes buscam na competição, o equilíbrio. Embora sem perder, a Macaca ainda não deslanchou. Em quatro jogo, venceu apenas um e empatou três. O Azulão também persegue a segunda vitória. Os dois times ocupam posição intermediária na tabela.

A partida marca o reencontro de Sérgio Guedes com a equipe que comandou no último Paulistão. O treinador espera tirar proveito do fato de conhecer características do time. "Ajuda até certo ponto. Mas ocorreram muitas mudanças. Só ficaram uns cinco jogadores que trabalharam comigo. Mas eles também conhecem minha maneira de trabalhar e podem usar isso a favor", analisa.

Embora o Azulão tenha feito boas atuações nos dois últimos jogos, Guedes não vê favoritismo. "As duas equipes são apontadas como as que estarão na briga pelo acesso. Mas na Série B os jogos são sempre muito difíceis. Será uma partida em que um vai tentar tirar proveito da falha do outro."

A formação do Azulão deve ser a mesma que empatou com o Bragantino (1 a 1) na rodada anterior. O volante Jairo e o atacante Talles se recuperam de contusão e não jogam.

PONTE - O técnico Jorginho comemora o fato de contar com o mesmo time pela terceira vez seguida. A equipe é a mesmo do último jogo. Com isso, espera aprimorar o entrosamento do grupo.

Eduardo aprova novo plano ofensivo

O atacante Eduardo garante ter gostado do novo arranjo no setor feito pelo técnico Sérgio Guedes, em que atua isolado na frente, sem a companhia de outro centroavante. Contra o Bragantino, o Azulão atuou, até sofrer o primeiro gol, no 4-5-1. Por esse modelo, o atacante conta com maior aproximação dos meias.

"Foi uma mudança bem pensada para aquele jogo, porque íamos atuar fora. Não sei se será mantida. Mas não me senti muito isolado, porque o Kléber, o Everton Ribeiro e o Fernandes chegam bastante", disse.

O jogador afirmou não ter preferência por jogar isolado ou com outro atacante participando da briga direta com os zagueiros. "Facilita, porque quando se está isolado na frente, você é o único foco dos zagueiros, mas o mais importante é o conjunto." Eduardo é o artilheiro do time na Série B do Brasileiro, com dois gols.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Azulão estreia em casa diante da Ponte

Equipe de Sérgio Guedes busca a segunda vitória na
Série B do Brasileiro amanhã, às 16h10, no Anacleto

Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

29/05/2010 | 07:00


Enfim, o São Caetano estreia em casa na Série B do Brasileiro. Terá como oponente, às 16h10, a invicta Ponte Preta. O time mandou dois jogos no Canindé porque o Anacleto Campanella estava interditado por falta de laudo de infraestrutura e só foi liberado no meio da semana.

O confronto simboliza o que as equipes buscam na competição, o equilíbrio. Embora sem perder, a Macaca ainda não deslanchou. Em quatro jogo, venceu apenas um e empatou três. O Azulão também persegue a segunda vitória. Os dois times ocupam posição intermediária na tabela.

A partida marca o reencontro de Sérgio Guedes com a equipe que comandou no último Paulistão. O treinador espera tirar proveito do fato de conhecer características do time. "Ajuda até certo ponto. Mas ocorreram muitas mudanças. Só ficaram uns cinco jogadores que trabalharam comigo. Mas eles também conhecem minha maneira de trabalhar e podem usar isso a favor", analisa.

Embora o Azulão tenha feito boas atuações nos dois últimos jogos, Guedes não vê favoritismo. "As duas equipes são apontadas como as que estarão na briga pelo acesso. Mas na Série B os jogos são sempre muito difíceis. Será uma partida em que um vai tentar tirar proveito da falha do outro."

A formação do Azulão deve ser a mesma que empatou com o Bragantino (1 a 1) na rodada anterior. O volante Jairo e o atacante Talles se recuperam de contusão e não jogam.

PONTE - O técnico Jorginho comemora o fato de contar com o mesmo time pela terceira vez seguida. A equipe é a mesmo do último jogo. Com isso, espera aprimorar o entrosamento do grupo.

Eduardo aprova novo plano ofensivo

O atacante Eduardo garante ter gostado do novo arranjo no setor feito pelo técnico Sérgio Guedes, em que atua isolado na frente, sem a companhia de outro centroavante. Contra o Bragantino, o Azulão atuou, até sofrer o primeiro gol, no 4-5-1. Por esse modelo, o atacante conta com maior aproximação dos meias.

"Foi uma mudança bem pensada para aquele jogo, porque íamos atuar fora. Não sei se será mantida. Mas não me senti muito isolado, porque o Kléber, o Everton Ribeiro e o Fernandes chegam bastante", disse.

O jogador afirmou não ter preferência por jogar isolado ou com outro atacante participando da briga direta com os zagueiros. "Facilita, porque quando se está isolado na frente, você é o único foco dos zagueiros, mas o mais importante é o conjunto." Eduardo é o artilheiro do time na Série B do Brasileiro, com dois gols.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;