Fechar
Publicidade

Domingo, 19 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Real valorizado aumenta déficit da balança no setor de turismo


Da Agência Brasil

21/03/2010 | 07:10


Cada vez mais brasileiros viajam para o Exterior, aproveitando a valorização do real em relação ao dólar norte-americano e ao euro. Como o ritmo da saída de turistas é mais forte do que o da vinda de estrangeiros para o País, a balança externa de turismo está sempre deficitária nos registros do Departamento Econômico do Banco Central.

No ano passado, os brasileiros gastaram US$ 10,9 bilhões no Exterior, contra os US$ 5,6 bilhões que os estrangeiros deixaram aqui, déficit de US$ 5,3 bilhões. Os números são bem parecidos com os de 2008, quando saíram do País US$ 11 bilhões com turismo e entraram US$ 5,8 bilhões, com negativo de US$ 5,2 bilhões.

Os números de 2008 poderiam ser mais expressivos, uma vez que os dois fluxos de turismo cresciam fortemente até a deterioração causada com a crise, em setembro daquele ano, quando as despesas líquidas externas somaram US$ 1,126 bilhão, contra receitas de R$ 470 milhões. O déficit de US$ 650 milhões foi resultado de crescimento gradativo que ocorria desde o início do ano.

A partir de então, a crise esfriou o ânimo dos turistas; mais do lado dos estrangeiros, ao ponto que os países que mais mandam gente para o Brasil estavam no epicentro da crise. Os brasileiros suspenderam as viagens em função da alta instantânea do dólar. Em outubro de 2008 as despesas caíram para US$ 775 milhões, as receitas ficaram em US$ 480 milhões e o déficit baixou 55%, para US$ 295 milhões.

A atividade turística só voltou a ganhar impulso a partir de abril de 2009, quando o dólar caiu para R$ 1,75.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Real valorizado aumenta déficit da balança no setor de turismo

Da Agência Brasil

21/03/2010 | 07:10


Cada vez mais brasileiros viajam para o Exterior, aproveitando a valorização do real em relação ao dólar norte-americano e ao euro. Como o ritmo da saída de turistas é mais forte do que o da vinda de estrangeiros para o País, a balança externa de turismo está sempre deficitária nos registros do Departamento Econômico do Banco Central.

No ano passado, os brasileiros gastaram US$ 10,9 bilhões no Exterior, contra os US$ 5,6 bilhões que os estrangeiros deixaram aqui, déficit de US$ 5,3 bilhões. Os números são bem parecidos com os de 2008, quando saíram do País US$ 11 bilhões com turismo e entraram US$ 5,8 bilhões, com negativo de US$ 5,2 bilhões.

Os números de 2008 poderiam ser mais expressivos, uma vez que os dois fluxos de turismo cresciam fortemente até a deterioração causada com a crise, em setembro daquele ano, quando as despesas líquidas externas somaram US$ 1,126 bilhão, contra receitas de R$ 470 milhões. O déficit de US$ 650 milhões foi resultado de crescimento gradativo que ocorria desde o início do ano.

A partir de então, a crise esfriou o ânimo dos turistas; mais do lado dos estrangeiros, ao ponto que os países que mais mandam gente para o Brasil estavam no epicentro da crise. Os brasileiros suspenderam as viagens em função da alta instantânea do dólar. Em outubro de 2008 as despesas caíram para US$ 775 milhões, as receitas ficaram em US$ 480 milhões e o déficit baixou 55%, para US$ 295 milhões.

A atividade turística só voltou a ganhar impulso a partir de abril de 2009, quando o dólar caiu para R$ 1,75.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;