Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Lado esquerdo dita o ritmo ofensivo no São Paulo



15/08/2009 | 07:00


O lado esquerdo tem sido o ponto forte e o principal responsável pela recuperação do São Paulo pelas mãos do técnico Ricardo Gomes. Nos últimos jogos, o trio Jorge Wagner, Junior Cesar e Richarlyson contribuiu para o bom desempenho são-paulino no Brasileirão.

Com os três canhotos, o time tem criado boa parte das jogadas pelo setor, algo que deverá ocorrer novamente amanhã, contra o Sport, na Ilha do Retiro, em Recife.

"Facilita bastante porque existe uma tendência de o jogador sempre cair pelo lado esquerdo. É algo natural por sermos canhotos", afirmou o meia Jorge Wagner, ao comentar a parceria com Junior Cesar e Richarlyson.

Depois que Ricardo Gomes colocou Richarlyson para jogar de volante - posição de origem do jogar -, Junior Cesar e Jorge Wagner passaram a ter mais liberdade e ainda são auxiliados nas triangulações pelo setor. O trabalho do trio tem dificultado a vida dos adversários.

"Poucos times têm tantos canhotos. É uma aposta que está se mostrando acertada", comentou Richarlyson. "Claro que também somos fortes pela direita, mas no futebol moderno você precisa das triangulações e ter três jogadores canhotos facilita isso. Com certeza tem sido um diferencial."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;