Fechar
Publicidade

Sábado, 14 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Porteiro e ajudante matam homem ao sair de forró


Vanessa Fajardo
Do Diário do Grande ABC

25/05/2009 | 07:03


O porteiro Alex Sandro da Silva, 25 anos, foi preso ontem após confessar o assassinato de William Fonseca Lemos, 28, amigo de sua ex-mulher. Ele disse à polícia que sentia ciúme da relação dos dois. Lemos foi morto a tiros depois de sair de um forró em Rio Grande da Serra. O ajudante Clayton Correa Souza, 24, também atirou na vítima e foi detido.

O assassinato ocorreu por volta das 3h de ontem quando a dupla pediu carona à vítima e ao amigo em um Palio. Ao chegar à Avenida Flavio Humberto Rebizzi, disseram que estavam armados. Após atirarem em Lemos, fugiram com o veículo. O amigo que acompanhava a vítima fugiu a pé.

Os autores do crime foram encontrados pela polícia em casa assistindo televisão. Ambos admitiram ter cometido o homicídio e disseram que o revólver foi arremessado em uma represa. Foram levados à Cadeia Pública de Santo André.

A polícia afirmou que a dupla presa tem as mesmas características de dois suspeitos que têm assaltado residências e ônibus em Rio Grande da Serra e Ribeirão Pires. As vítimas que supostamente os reconhecerem devem procurar a polícia.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Porteiro e ajudante matam homem ao sair de forró

Vanessa Fajardo
Do Diário do Grande ABC

25/05/2009 | 07:03


O porteiro Alex Sandro da Silva, 25 anos, foi preso ontem após confessar o assassinato de William Fonseca Lemos, 28, amigo de sua ex-mulher. Ele disse à polícia que sentia ciúme da relação dos dois. Lemos foi morto a tiros depois de sair de um forró em Rio Grande da Serra. O ajudante Clayton Correa Souza, 24, também atirou na vítima e foi detido.

O assassinato ocorreu por volta das 3h de ontem quando a dupla pediu carona à vítima e ao amigo em um Palio. Ao chegar à Avenida Flavio Humberto Rebizzi, disseram que estavam armados. Após atirarem em Lemos, fugiram com o veículo. O amigo que acompanhava a vítima fugiu a pé.

Os autores do crime foram encontrados pela polícia em casa assistindo televisão. Ambos admitiram ter cometido o homicídio e disseram que o revólver foi arremessado em uma represa. Foram levados à Cadeia Pública de Santo André.

A polícia afirmou que a dupla presa tem as mesmas características de dois suspeitos que têm assaltado residências e ônibus em Rio Grande da Serra e Ribeirão Pires. As vítimas que supostamente os reconhecerem devem procurar a polícia.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;