Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Prefeitura faz parcerias para coibir furto de fios

Fios e cabos são visados devido ao cobre, que pode ser revendido


Rafael Ribeiro
do Diário do Grande ABC

09/03/2013 | 07:00


O secretário de Obras e Serviços Públicos de Santo André, Paulinho Serra, anunciou ontem que a Prefeitura realizou parceria com a iniciativa privada e órgãos de Segurança, como a GCM (Guarda Civil Municipal) e Polícia Militar, para aumentar o combate ao furto de fios de energia elétrica, telefone e televisão a cabo.

Os fios e cabos são visados devido ao cobre, que pode ser revendido a pontos ilegais. Em Santo André, no início de fevereiro, policiais civis do 4º DP (Jardim) flagraram uma dessas transações, envolvendo viciados em drogas, em um terreno abandonado na Vila Sacadura Cabral.

Paulinho verificou junto a técnicos do poder municipal que o furto de fios e cabos colaborava com os constantes problemas de iluminação e fornecimento de energia elétrica da cidade.

"Percebemos que o problema era muito mais complexo", avaliou o secretário. De acordo com o relato de moradores de locais que constantemente sofriam apagões, os criminosos chegavam a subir em telhados para poder furtar o material. E há indícios da participação de funcionários das empresas terceirizadas prestadoras de serviços no esquema.

A partir de agora, GCM e polícia intensificarão a fiscalização, principalmente no período noturno. Bairros como o Campestre, Vila Assunção, Guaraciaba e Camilópolis, onde mais se registraram ações do tipo, terão atenção maior pelo menos no início das atividades.

"Todas as empresas e órgãos se mostraram à disposição para nos ajudar nesse trabalho de fiscalização", completou Paulinho.

Agora, os casos de furtos de fios registrados serão concentrados pela Pasta, que fará mapeamento de como e onde ocorrem os casos para assim repassar as informações às polícias. De acordo com as autoridades, 68,5 quilômetros de fios foram levados na região no ano passado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;