Fechar
Publicidade

Sábado, 16 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Comércio da China deve crescer 8%, diz ministro



08/03/2013 | 01:50


O comércio total da China deve crescer cerca de 8% este ano, superando a alta de 6,2% do ano passado, afirmou o ministro do Comércio, Chen Deming, nesta sexta-feira.

"Estou mais otimista sobre o comércio deste ano", disse ele, falando a repórteres em uma coletiva que coincide com a sessão anual do parlamento.

Chen não deu nenhuma estimativa para exportações ou importações para este ano. As exportações subiram 7,9% em 2012, enquanto as importações cresceram 4,3% em um ano marcado pela lentidão econômica para muitos dos principais parceiros comerciais da China.

A recuperação gradual da economia mundial é amplamente esperada para ajudar o comércio da China neste ano. Na sexta-feira, a China disse que suas exportações de fevereiro cresceram 21,8% em relação ao ano passado, ultrapassando as expectativas de um aumento de 5%.

O ministro disse também que a desvalorização da moeda por outros países têm um impacto sobre as exportações de países emergentes, incluindo a China.

Outras autoridades chinesas fizeram duras críticas ao Japão por deixar o valor de sua moeda cair nos mercados de câmbio. Chen disse que não estava se referindo apenas ao Japão, e sugeriu que os EUA e outros países desenvolvidos que também estão realizando medidas de relaxamento monetário eram fontes de preocupação.

"A inflação causada pelo relaxamento quantitativo é o que mais me preocupa", disse ele, referindo-se ao "super relaxamento" de política monetária que os EUA têm usado para impulsionar o crescimento econômico doméstico.

A inflação importada significaria preços mais altos para a China, o que pode afetar as exportações do país. As informações são da Dow Jones.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;