Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 27 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Polícia expulsa ativista de instalações olímpicas em Hong Kong


Da AFP

09/08/2008 | 01:33


A ativista pró-Tibete Christina Chan afirmou neste sábado ter sido obrigada pela polícia a deixar as instalações olímpicas de Hong Kong, onde são disputadas as provas eqüestres do primeiro dia dos Jogos de Pequim.

A estudante universitária de Hong Kong, que já havia participado de vários protestos contra o governo chinês, disse que planejava estender uma bandeira tibetana dentro das instalações olímpicas, mas foi obrigada a deixar o local antes de concretizar o desejo.

Segundo Chan, membros da segurança pediram primeiro para que ela fosse embora, chamando a polícia em seguida. Os policiais a cercaram e a expulsaram à força.

"Eu tinha comigo apenas a bandeira do Canadá, pensei em utilizá-la como chamariz. Mas me disseram que eu tinha infringido as regras e precisava ir embora. Isso tudo foi bastante ridículo", declarou Chan.

"Um amigo meu havia entrado antes e escondido a bandeira tibetana e um cartaz, porque eu sabia que estavam me procurando. Estou bastante chateada, fiquei com alguns arranhões e machuquei o cotovelo", contou.

 Os organizadores acusaram Chan de ter infringido as normas do COI (Comitê Olímpico Internacional).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;