Fechar
Publicidade

Sábado, 4 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Mauá abandona os
projeto para ciclistas

Ciclorrota ligando o Trecho Sul do Rodoanel à divisa com o
município de Ribeirão Pires está com atraso de quase um ano


Cadu Proieti
Camila Galvez

20/02/2013 | 07:00


A ciclorrota de 5,5 quilômetros prometida pela Prefeitura de Mauá no ano passado não saiu do papel. A previsão era entregar até março de 2012 as ciclofaixas ligando o Trecho Sul do Rodoanel Mário Covas, na Avenida Papa João XXIII, até a divisa do município com Ribeirão Pires, na Avenida Capitão João. No entanto, a equipe do Diário constatou que pouco foi feito até agora, com apenas alguns trechos delimitados aos usuários de bicicleta.

De todo o trajeto previsto, apenas a Avenida dos Manacás e a Rua das Magnólias receberam pintura na pista, sinalizando área para ciclistas. Segundo os moradores do entorno, esses trechos são pouco utilizados pelas pessoas que têm o costume de pedalar.

Em algumas vias onde também estava prevista a demarcação, existe placa informando que o local é rota de bicicletas, mas não há faixa exclusiva. Nas avenidas Lasar Segall, Ricardo Nalle, além das ruas Otávio Polidoro, Mario Andreoli, Francisco Jardi e das Avencas, que deveriam ter recebido ciclofaixas, não há espaço delimitado para bicicletas trafegarem.

O pouco que foi feito até agora é criticado pelos moradores. Na Avenida dos Manacás, por exemplo, a via é estreita. Os veículos estacionam do lado oposto à ciclofaixa e os carros que passam são obrigados a invadir o local exclusivo para ciclistas, aumentando o risco de acidentes.

"Colocaram pequenas tarrachas fixas no chão para delimitar o espaço das bicicletas, mas depois a própria Prefeitura veio tirar. Ou seja, foi um gasto desnecessário. Do jeito que está, mais atrapalha do que ajuda. Está muito perigoso, já teve até gente atropelada porque o carro entrou na faixa dos ciclistas", disse o comerciante Paulo Homa, 65 anos.

O único trecho que realmente funciona é na Avenida Papa João XXIII, onde a ciclovia existente é bastante utilizada, principalmente nos horários de entrada e saída das empresas localizadas ao longo da via. No entanto, a pista exclusiva para ciclistas foi construída pela Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S. A.) como compensação pelas obras do Trecho Sul do Rodoanel. "Faltam outros espaços como esse aqui", disse o soldador Fábio Pereira, 38, que passa todos os dias pelo local de bicicleta.

A Prefeitura de Mauá informou que a implementação da ciclorrota será reavaliada, assim como todos os outros projetos da gestão anterior, e que só será possível definir data para entrega após realização da análise. Apesar de não dar detalhes sobre o futuro da área para ciclistas, a administração municipal disse que pretende alterar o projeto inicial.

Cidades terão vias exclusivas para bikes interligadas 

Durante reunião entre os sete prefeitos da região, ontem, o GT (Grupo de Trabalho) Mobilidade do Consórcio Intermunicipal informou que apresentará em abril plano para instalação de ciclofaixas de lazer e ciclovias nas sete cidades. A ideia, segundo a coordenadora do grupo em 2012, Andrea Brisida, é seguir exemplo de São Caetano para instalação de rede de transporte alternativo com aluguel de bicicletas.

Quem utiliza as bikes como meio de transporte no Grande ABC tem à disposição 16,7 quilômetros de vias reservadas, entre ciclovias e ciclofaixas. São Bernardo apresenta 3,2 quilômetros de vias. Em São Caetano, a única ciclovia existente de dois quilômetros, está localizada na Avenida Presidente Kennedy. Santo André possui os equipamentos no Viaduto Cassaquera e na Avenida Valdemar Mattei.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;