Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Cadeirante era piloto de fuga de bando


Evandro De Marco
Do Diário do Grande ABC

25/06/2008 | 07:12


Cinco homens foram presos na Rua da Abolição, Rudge Ramos, em São Bernardo, acusados de participar do roubo de dois carros: um Fiat Doblò vinho, na semana passada, e um Corsa vermelho, anteontem à noite. O grupo estava em um Chrysler Neon dirigido pelo deficiente físico Ricardo Rodrigues, 28 anos.

Na última sexta-feira, o zelador M.A.H., 45, estacionava o Doblò próximo à Apae de São Caetano, na Rua Xingu, bairro Santa Maria, quando foi rendido por quatro assaltantes.

Acompanhado da mulher, o zelador relata que temeu pela vida do filho de 12 anos, que usa cadeira de rodas devido a uma distrofia muscular. "Colocaram uma arma no peito do meu menino porque ele não conseguia sair sozinho do carro. Depois arrancaram ele e jogaram no chão. Nitidamente, eles não tinham nada a perder. Foi um absurdo", relata.

O Corsa foi roubado na noite de anteontem na Rua Giuseppe Carnevalli, bairro Boa Vista, também em São Caetano. Os assaltantes aproveitaram o momento em que um analista de sistemas de 20 anos deixava a namorada em casa. "Parei o carro e vi o Doblò descendo a rua. O motorista fez a volta e ficou de frente pra mim. Foi quando um deles, armado, desceu e me rendeu", conta o rapaz.

O rastreador do carro do analista de sistemas levou a polícia até a quadrilha. Policiais militares de São Bernardo e São Caetano cercaram a região indicada pela seguradora e desconfiaram das cinco pessoas que estavam dentro do Chrysler Neon. O veículo era dirigido pelo deficiente físico, que usava uma bengala para acelerar o veículo e levava a cadeira de rodas no porta-malas.

Dentro do carro também estavam: Henrique Reis da Silva, 19, Jonathan Pereira da Silva, 20, Kleber Alves Torres, 21, e Ludger Beto Santos, 21. "Na revista aos assaltantes pegamos um revólver calibre 32 com o Henrique (Silva). No bolso de um deles estavam as chaves do Doblò e no porta-malas encontramos peças levadas do Corsa. Eles confessaram os roubos e indicaram onde estavam os veículos", relata o tenente Honorato da Polícia Militar.

O grupo foi levado para o 1º Distrito Policial, no Centro de São Caetano. Três dos presos já tinham passagem pela polícia: Silva por apropriação indébita, Torres por roubo e Rodrigues por receptação de mercadoria roubada.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;