Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Nome de Zé Ferreira desagrada base aliada

Montagem/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Bancada de sustentação de Marinho não descarta aliança com oposição se petista for candidato


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

09/07/2014 | 07:00


A base aliada do prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), já se movimenta nos bastidores para fazer naufragar o projeto do chefe do Executivo em tentar eleger o vereador José Ferreira (PT) como presidente da Câmara para o próximo biênio.

Parlamentares governistas não querem ver Zé Ferreira como novo comandante do Legislativo, e alguns não descartam até fazer aliança com a oposição para impedir que o petista assuma a gerência da Casa.

O acordo com oposicionistas poderia render cargos estratégicos aos contrários ao governo Marinho na mesa diretora da Câmara, o que poderia render dores de cabeça ao prefeito em projetos importantes para os dois últimos anos de sua gestão.

Alguns situacionistas avisaram interlocutores do Paço que, se Marinho insistir na bênção para Zé Ferreira, o chefe do Executivo verá movimentação semelhante às que ocorreram em seu primeiro mandato, quando passou quatro anos tendo de conviver com presidente de Câmara de partido de fora da base aliada.

No biênio 2009-2010, Marinho tentou emplacar Tião Mateus como chefe do Legislativo, mas viu vereadores elegeram Otávio Manente (morto em 2011). Na eleição à mesa diretora de 2010, o petista novamente apostou em Tião Mateus, porém o eleito foi Hiroyuki Minami (PSDB).

FORA DE CONSENSO
O nome de Zé Ferreira é defendido por Marinho porque o vereador é o mais antigo parlamentar do PT no País – tem oito mandatos. Entretanto, ele não é consenso nem mesmo na bancada da legenda na Câmara de São Bernardo.

Três vereadores da sigla costuram apoio nos bastidores para se cacifarem como candidato à presidência do Legislativo. Todos são ex-secretários de Marinho: José Cloves (ex-titular de Serviços Urbanos), Toninho da Lanchonete (ex-Obras) e José Luiz Ferrarezi (ex-Esportes).

Entre o grupo aliado, há dois projetos em fase de formatação. Existe o bloco dos partidos PSD e DEM e outro com PDT, PTdoB, PCdoB e PSB.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;