Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Sinalização é falha
no Trecho Leste

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Rodovia entregue na sexta-feira diminui
tempo de viagem do motorista em 14 minutos


Natália Fernandjes
Do Diário do Grande ABC

06/07/2014 | 07:03


Aberto ao fluxo de veículos no fim da tarde de sexta-feira, a primeira etapa do Trecho Leste do Rodoanel apresenta falhas de sinalização. Ao percorrer os 37,7 quilômetros, é possível verificar funcionários trabalhando em diversos pontos para colocação de guard-rail, olhos de gato (sinalização reflexiva) e pintura das faixas. A SPMar, empresa responsável pelas obras do trecho, promete concluir tudo ao longo desta semana (leia mais ao lado).

A parte da asa inaugurada na quinta-feira pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) vai da interligação com o Trecho Sul, em Mauá, até a Rodovia Ayrton Senna, em Itaquaquecetuba. A equipe do Diário percorreu toda a extensão em 24 minutos, respeitando os limites de velocidade da via para veículos leves – 100 km/h. Antes da inauguração, o trajeto precisava ser feito pela Avenida Jacu-Pêssego, que liga Mauá à Zona Leste da Capital – cerca de 38 minutos.

O principal problema é a inexistência de placa que indique o acesso ao Trecho Leste na interligação com o Trecho Sul, em Mauá. A informação só é disponibilizada em painel eletrônico da Avenida Papa João XXIII, cerca de três quilômetros antes da saída. Pelo menos quatro motoristas foram flagrados parados no meio da interligação nos 10 minutos em que a equipe permaneceu no local. Outra dificuldade é a não existência de placas que indiquem a presença de retornos ao longo da via.

Em três pontos foram observadas interdições da faixa da direita da via sentido Rodovia Ayrton Senna para colocação de guard-rail e olho de gato – altura do km 93, km 97 e km 102. Funcionários sinalizaram o local com cones e bandeirinha. No entanto, outros pontos ainda estavam sem os itens de segurança. Destaque para trecho elevado em Itaquaquecetuba, próximo da saída para a rodovia, sem guard-rail.

A equipe do Diário também flagrou motoristas aproveitando a inexistência de radares para extrapolar os limites de velocidade. Durante o percurso, foram avistadas três viaturas da Polícia Rodoviária.

A primeira etapa da obra foi entregue com 114 dias de atraso, o que acarreta multa de R$ 471 mil por dia à SPMar, totalizando R$ 5,3 milhões.

A expectativa é que a estrada, que custou R$ 3,2 bilhões, receba 33 mil veículos por dia, sendo quase metade deles caminhões.

SPMar garante placa no acesso em Mauá ainda hoje

A SPMar, concessionária responsável pela construção e administração do Trecho Leste do Rodoanel, informou, em nota, que todas as placas e guard-rails considerados necessários para a segurança viária já foram colocados. No entanto, promete colocaçar ainda hoje placa definitiva para motoristas que acessam o anel viário vindos de Mauá, onde só funciona painel de mensagem variável. A empresa ressaltou que as demais placas necessárias serão colocadas ao longo desta semana.

A concessionária enfatizou que os retornos desta etapa do Rodoanel já estão devidamente sinalizados, embora a equipe do Diário não tenha visualizado as placas. A liberação da operação da rodovia foi aprovada após realização de vistoria da Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) na sexta-feira.

Sobre os telefones de emergência da rodovia, que ainda estão em fase de instalação, a expectativa é que o trabalho seja finalizado nas próximas semanas. Durante este período, a empresa promete dobrar o efetivo de viaturas para realizar o atendimento ao usuário.

SEGUNDA ETAPA

Os 5,8 quilômetros restantes da asa Leste do Rodoanel devem ser entregues dentro de 60 dias. Com isso, serão 43,5 quilômetros de via até a Rodovia Presidente Dutra, em Arujá.

A Artesp não definiu quando terá início a cobrança da tarifa de pedágio, no valor de R$ 2,10, nas saídas do primeiro trecho do segmento Leste. No Trecho Sul, o motorista paga R$ 2,70 toda vez que sai do anel viário.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;