Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Famílias escolhem novo lar no Conjunto Juquiá

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Natália Fernandjes
Do Diário do Grande ABC

27/09/2012 | 07:00


Embora gelada e chuvosa, a manhã de ontem foi de euforia para as primeiras 132 famílias beneficiadas com unidades do Minha Casa, Minha Vida em Santo André. Os moradores dos núcleos Pedro Américo e Homero Thon visitaram o Conjunto Juquiá e escolheram a unidade para onde se mudarão a partir da próxima semana. As chaves serão retiradas amanhã, quando será assinado contrato com a Caixa Econômica Federal.

O atraso de quase um ano para a entrega dos apartamentos deixa parte dos beneficiados incrédulos quanto à casa própria, aguardada há cerca de dez anos. "Demorou tanto que a gente achou que nem sairia mais", revela a auxiliar de serviços gerais Márcia Marques, 37 anos, que mora às margens do Córrego Cassaquera há 12.

Houve necessidade de sorteio durante a escolha das unidades, tendo em vista a preferência das famílias ficarem próximas dos vizinhos com quem há maior afinidade. O mais disputado foi o Bloco 1-Marrom, mais próximo da portaria. O ajudante geral Arnaldo de Souza, 34, é um dos que comemoraram poder morar próximos dos amigos, junto com a mulher e filha de 7 anos. "Esse é o melhor bloco", diz.

O conjunto Juquiá é formado por três blocos, com 44 apartamentos cada, incluindo salão de festas, playground e portaria. As unidades têm área útil de 43 metros quadrados e são compostas por dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. Em cada um dos prédios, oito apartamentos no térreo foram separados para priorizar idosos e pessoas com deficiência.

Nenhum dos futuros moradores do Conjunto Juquiá estava mais feliz do que a dona de casa Narcisa Maria, 70 anos. Isso porque ela conseguiu reunir toda a família na ala esquerda do Bloco2-Rosa. Ao lado da unidade de número 12, onde ela vai morar com o marido e dois filhos, estão outros três apartamentos ocupados pelos demais filhos. "A gente não precisa se preocupar com a possibilidade de ter um mau vizinho", comenta a simpática senhora.

LONDRINA

Ao lado do Conjunto Juquiá está sendo erguido o Conjunto Londrina, cujas obras estão em fase final e a previsão de entrega das 220 unidades é para novembro. Os dois empreendimentos começaram a ser construídos em novembro de 2010 e demandaram recursos de R$ 24 milhões, sendo R$ 17,6 milhões da União e R$ 6,4 milhões do município. São os primeiros da região a beneciarem famílias com renda de até R$ 1.600.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;