Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 22 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Turco deseja aumentar vagas nas creches


Caroline Ropero
Do Diário do Grande ABC

06/09/2012 | 06:47


O candidato do Psol à Prefeitura de São Caetano, Fernando Turco, quer ampliar o número de vagas em creches e escolas de Educação Infantil, apesar de admitir que não há deficit na cidade. No entanto, conta que, durante atividades que realizou desde o início da campanha, costuma ouvir relatos de moradores que não conseguem matricular os filhos em escolas próximas de casa.

Para o prefeiturável, o problema atrapalha principalmente a rotina de pais que trabalham fora e, para alguns, a melhor alternativa é optar pelo ensino privado. Desse modo, acabam gerando custo a mais na renda familiar, diz Turco. Incomodado, o socialista critica a gestão atual por não resolver a questão. "Temos o poder público para facilitar a vida dos munícipes, não para dificultar."

O prefeiturável chegou a avaliar positivamente o Ensino Infantil da rede municipal, mas disse que é preciso de melhorias se comparado às escolas particulares. "Não dá para negar que as Emeis de São Caetano têm qualidade. Mas, comparado às escolas pagas, que têm menos alunos por sala, vemos que existe um prejuízo no ensino público. Tem de ter menos alunos por sala."

Para solucionar o problema, o socialista tem a intenção de expandir as dependências físicas de cada creche e escola já construída, além da quantidade de educadores. "Não adianta só aumentar o número de vagas sendo que o número efetivo de professores continua o mesmo. Precisa de toda uma estrutura para que o cidadão tenha a opção de colocar seu filho em escola pública ou particular."

O pleiteante ao Paço acredita que o projeto é possível de ser executado, principalmente porque o Orçamento é suficiente. "É tudo questão de vontade política e de não desperdiçar o dinheiro público com o que não tem necessidade. Voltamos na discussão de colocar asfalto bom em cima de asfalto bom. Se usar o dinheiro para Educação e Saúde, teremos uma cidade e órgãos municipais com mais qualidade."

Turco tirou o dia de ontem para realizar reuniões com a administração do partido. Hoje à tarde deve caminhar pela Rua Visconde de Inhaúma, acompanhado do deputado federal Ivan Valente (Psol).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Turco deseja aumentar vagas nas creches

Caroline Ropero
Do Diário do Grande ABC

06/09/2012 | 06:47


O candidato do Psol à Prefeitura de São Caetano, Fernando Turco, quer ampliar o número de vagas em creches e escolas de Educação Infantil, apesar de admitir que não há deficit na cidade. No entanto, conta que, durante atividades que realizou desde o início da campanha, costuma ouvir relatos de moradores que não conseguem matricular os filhos em escolas próximas de casa.

Para o prefeiturável, o problema atrapalha principalmente a rotina de pais que trabalham fora e, para alguns, a melhor alternativa é optar pelo ensino privado. Desse modo, acabam gerando custo a mais na renda familiar, diz Turco. Incomodado, o socialista critica a gestão atual por não resolver a questão. "Temos o poder público para facilitar a vida dos munícipes, não para dificultar."

O prefeiturável chegou a avaliar positivamente o Ensino Infantil da rede municipal, mas disse que é preciso de melhorias se comparado às escolas particulares. "Não dá para negar que as Emeis de São Caetano têm qualidade. Mas, comparado às escolas pagas, que têm menos alunos por sala, vemos que existe um prejuízo no ensino público. Tem de ter menos alunos por sala."

Para solucionar o problema, o socialista tem a intenção de expandir as dependências físicas de cada creche e escola já construída, além da quantidade de educadores. "Não adianta só aumentar o número de vagas sendo que o número efetivo de professores continua o mesmo. Precisa de toda uma estrutura para que o cidadão tenha a opção de colocar seu filho em escola pública ou particular."

O pleiteante ao Paço acredita que o projeto é possível de ser executado, principalmente porque o Orçamento é suficiente. "É tudo questão de vontade política e de não desperdiçar o dinheiro público com o que não tem necessidade. Voltamos na discussão de colocar asfalto bom em cima de asfalto bom. Se usar o dinheiro para Educação e Saúde, teremos uma cidade e órgãos municipais com mais qualidade."

Turco tirou o dia de ontem para realizar reuniões com a administração do partido. Hoje à tarde deve caminhar pela Rua Visconde de Inhaúma, acompanhado do deputado federal Ivan Valente (Psol).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;