Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 9 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Paz e amor, Diniz afirma: 'deixa os dois brigarem'


Mark Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

03/09/2012 | 07:00


Com comício no Jardim Zaíra, o candidato a prefeito de Mauá pelo PR, Diniz Lopes, lançou oficialmente sua campanha ao Paço. Terceiro colocado nas pesquisas de intenção de votos, o republicano projetou arrancada no último mês da corrida, e disse que não confrontará Vanessa Damo (PMDB) e Donisete Braga (PT) porque já se considera no segundo turno.

"Não preciso atacar ninguém. Venho crescendo só com a apresentação de propostas. Deixa os dois lá brigarem", declarou Diniz sobre os adversários. "O que eles sabem é que eu estarei no segundo turno. Então, a briga deles é para ver quem vai comigo."

Pesquisa do Diário publicada na semana passada mostrou Diniz com 11,4% das intenções de voto, contra 15,3% de Donisete e 31,7% de Vanessa. Republicano e petista estão tecnicamente empatados, já que a margem de erro do levantamento é de três pontos percentuais.

"Vai ser difícil me segurar porque na reta final cresço muito. No fim, o eleitor mais criterioso me escolhe", confia Diniz. A estratégia do prefeiturável para massificar a campanha inclui a intensificação das caminhadas e até parapentes, como já fez em 2010, quando concorreu para deputado estadual e perdeu.

O republicano prometeu, se eleito em outubro, construir uma subprefeitura no Zaíra. "É uma cidade dentro de Mauá", justificou, sobre o bairro mais populoso da cidade, com aproximadamente 90 mil habitantes. "A ideia é procurar um lugar, preferencialmente no fim do Zaíra, para fazer um grande terminal de atendimento ao público." Ele também projetou mais "Lazer, Educação, Esporte e Saúde" no local.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;