Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 14 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Mulher mata marido a facadas após discussão no Zaíra

Vítima foi socorrida por familiares, mas não resistiu após ferimento fatal; autora fugiu


Rafael Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

11/01/2014 | 07:00


Uma discussão levou Cristiane Bezerra, 33 anos, a matar a facadas o próprio companheiro, Roberto Rodrigo Aparecido Cunha, 24, na casa onde moravam, no Jardim Zaíra 4, em Mauá, na madrugada de ontem.

Segundo o registro da ocorrência feito no 1º DP (Centro) da cidade, Cristiane e Cunha iniciaram briga que durou cerca de 15 minutos, até a autora acertar dois golpes no peito da vítima, na frente da filha, de 14 anos.

Cunha foi socorrido pelos próprios familiares até à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Zaíra. Devido à gravidade do caso, acabou transferido ao Pronto-Socorro do Hospital Nardini, onde morreu.

Cristiane foi apontada como autora por seus familiares e seguia foragida da polícia até o fechamento desta edição.

Assustada, a criança também precisou de atendimento médico. O caso será investigado pelo 4º DP (Zaíra) da cidade, que atende a área onde ocorreu o crime.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mulher mata marido a facadas após discussão no Zaíra

Vítima foi socorrida por familiares, mas não resistiu após ferimento fatal; autora fugiu

Rafael Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

11/01/2014 | 07:00


Uma discussão levou Cristiane Bezerra, 33 anos, a matar a facadas o próprio companheiro, Roberto Rodrigo Aparecido Cunha, 24, na casa onde moravam, no Jardim Zaíra 4, em Mauá, na madrugada de ontem.

Segundo o registro da ocorrência feito no 1º DP (Centro) da cidade, Cristiane e Cunha iniciaram briga que durou cerca de 15 minutos, até a autora acertar dois golpes no peito da vítima, na frente da filha, de 14 anos.

Cunha foi socorrido pelos próprios familiares até à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Zaíra. Devido à gravidade do caso, acabou transferido ao Pronto-Socorro do Hospital Nardini, onde morreu.

Cristiane foi apontada como autora por seus familiares e seguia foragida da polícia até o fechamento desta edição.

Assustada, a criança também precisou de atendimento médico. O caso será investigado pelo 4º DP (Zaíra) da cidade, que atende a área onde ocorreu o crime.
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;