Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 1 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Estudo aponta desempenho crítico do Brasil para IED



15/10/2013 | 14:24


Apesar ser um dos principais países receptores de Investimento Estrangeiro Direto (IED), o Brasil apresenta problemas estruturais em vários quesitos essenciais para atrair o capital internacional. É o que aponta uma pesquisa realizada pela consultoria Maksen, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

De acordo com o estudo, o Brasil está na 11ª posição entre os países que mais recebem investimentos estrangeiros no mundo. Contudo, ao avaliar 13 itens fundamentais para o recebimento de IED, a consultoria apontou que o desempenho nacional é crítico. No quesito eficiência do mercado financeiro, o Brasil ocupa a 46ª posição. Quando é avaliada a eficiência do mercado de consumo, o Brasil fica na 104ª colocação, bem distante de Cingapura (1ª posição), Hong Kong (2ª), Suíça (7ª) e Alemanha (15ª colocação).

O estudo destaca que a infraestrutura no País está na 70ª posição, enquanto no quesito instituições o País ocupa o 79º lugar. A educação do Brasil ocupou o 88º posto, bem distante dos principais receptores de IED, como Alemanha (2ª posição), Cingapura (3ª) e Suíça (5ª ).

"O Brasil tem recebido todo esse investimento pela dimensão do mercado interno porque os outros mercados estavam em crise e por todo o marketing envolvido recentemente, tendo em vista os eventos esportivos no País, como é o caso da Copa", diz Sérgio do Monte Lee, o principal dirigente da consultoria Maksen no Brasil. "O fato é que não há infraestrutura para sustentar essa posição se nada for feito para construir uma marca forte para o País."



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;