Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Marinho paga mais caro do que cidades menores

Ricardo Trida/01.10.2013/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Com menos de 10 mil habitantes, Sarapuí, no Interior, comprou produto por R$ 6 o quilo


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

09/10/2013 | 07:00


O governo do prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), pagou mais pelo quilo de salsichas congeladas de peru do que administrações de pequenas cidades do interior do Estado, do Litoral ou até de gestões do Grande ABC.

No domingo, quando o Diário revelou que a licitação para compra do alimento já tinha decisão anunciada e registrada em cartório um dia antes do pregão presencial e envolvia preços superiores aos da prefeitura de São Paulo e do governo do Estado, Marinho alegou que os valores, mais de 70% superiores em relação aos contratos da Capital e do Palácio dos Bandeirantes, tinham como base a menor quantidade de salsicha adquirida.

Com 9.027 habitantes, o município de Sarapuí comprou o mesmo produto por R$ 6 o quilo – valor 40% inferior aos R$ 10,04 por quilo, quantia depositada pelo petista para atender à rede municipal de ensino, que tem 40 mil alunos. Gerida pelo prefeito tucano Fabio Holtz, a cidade localizada na região de Sorocaba solicitou 2.100 quilos, enquanto Marinho pediu 8.172 quilos.

Preço menor também foi praticado pela prefeitura de Ibitinga, cuja cidade tem 53.166 habitantes. O município pagou R$ 8,95 pelo quilo de salsicha de peru, 11% menor do que o acordo firmado pelo prefeito de São Bernardo.

No Grande ABC, o Executivo de Diadema comprou salsichas de peru congeladas por R$ 8,90 o quilo – 3.000 quilos foram requisitados.

Além de Sarapuí, Ibitinga e Diadema, valores inferiores foram registrados pelas prefeituras de São Vicente (R$ 6,62 o quilo), Bauru (R$ 5,05), Guarulhos (R$ 8,99) e Campinas (R$ 5,55).

CPI

O vereador oposicionista Julinho Fuzari (PPS) tentará emplacar hoje, na sessão da Câmara, a CPI da Salsicha, para que o Legislativo investigue suposto direcionamento na licitação. O resultado do pregão foi registrado pelo munícipe Geraldo Alves Nogueira Lima em cartório um dia antes de o certame terminar. Na documentação, ele disse que a New Quality Indústria e Comércio de Carnes e Produtos Alimentícios Ltda venceria porque o processo não envolvia competitividade.

O primeiro passo, porém, é a aprovação de requerimento de informações ao Executivo sobre a licitação.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;