Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Grana leva setor de
Esportes para o Paço

Orlando Filho/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Tiago Nogueira comandará a área, atualmente
atrelada à Secretaria de Cultura de Santo André


Fábio Martins
Do Diário do Grande ABC

30/07/2013 | 07:00


Por decreto, o prefeito de Santo André, Carlos Grana (PT), mudará a gestão de Esportes e Lazer da cidade. Nos próximos dias, a decisão do petista será publicada nos atos oficiais, desvinculando o departamento hoje atrelado à Secretaria de Cultura e Turismo, chefiada pelo ex-prefeiturável Raimundo Salles (PDT), e inserindo a área na Pasta de Gabinete, comandada por Tiago Nogueira (PT), que acumulará os dois setores de governo, a princípio, de maneira definitiva.

Diante da medida, a proposta de Grana não passará por votação na Câmara, sob justificativa de não gerar custos adicionais nem criação de cargos comissionados – inicialmente, modifica a condução dos trabalhos. Na época do ex-prefeito Aidan Ravin (PTB) foi criado dispositivo que permite realizar minirreformas administrativas, nos mesmos moldes em que o prefeito firmou recentemente no Trânsito, que saiu de Segurança Pública para ser alocada na Secretaria de Obras e Serviços Públicos.

A estratégia política está em processo de execução por conta da suspensão da reforma administrativa por tempo indeterminado – proposta implantaria três secretarias, incluindo Esportes, além das Pastas de Mulheres e Trabalho. Por influência da onda de manifestações populares que tomaram as ruas em junho, Grana cancelou o projeto ao alegar que a iniciativa traria gastos de R$ 12 milhões anuais. Em contrapartida, existiam acordos nas áreas envolvidas.

Logo quando houve compromisso eleitoral, com a vitória petista nas urnas em outubro, Grana indicou a Salles – apoiador de segundo turno – que assumiria Cultura, mas que promoveria desmembramento da Pasta. Semanas depois, anunciou que a ex-jogadora de basquete Marta Sobral ficaria à frente da Secretaria de Esportes. Como não vingou, ela permanece na diretoria da área.

Salles mencionou que a proposta é “decisão acertada do prefeito”. “Cultura tem tantas complexidades que tem de ser tratada em separado de outros setores. Com o novo cenário, vou me dedicar mais profundamente à área”, disse o pedetista, acrescentando que Tiago Nogueira tem “todas as condições para comandar o Esporte”. Por outro lado, a Prefeitura não confirmou as informações, entretanto convocou coletiva de imprensa hoje para anunciar mudanças administrativas do governo.

O Orçamento de Esportes para 2013, produzido na gestão Aidan, gira em torno de R$ 17 milhões, valor ínfimo se considerado que cerca de R$ 9 milhões são direcionados para pagamento de folha salarial. Segundo fontes internas do Paço, a escolha de Gabinete se deu em razão de a área de Esporte ser projeto central do governo. A ideia agora é que o setor consiga captar mais recursos federais e fazer parcerias com a iniciativa privada, investindo na base.

Tiago não foi localizado para comentar o assunto. Marta, por sua vez, se negou a comentar a respeito da alteração.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;