Fechar
Publicidade

Domingo, 16 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Vitória convincente

A Seleção Brasileira fez a lição de casa para vencer com méritos a Venezuela


Especial para o Diário

14/10/2008 | 00:00


A Seleção Brasileira fez a lição de casa para vencer com méritos a Venezuela. Mesmo atuando na casa do adversário! Jogou o que dela se esperava, partiu para cima, marcou os gols tranqüilizadores logo no começo e depois administrou o resultado.

É verdade que o inimigo é muito fraco. Mas e daí? Já sucumbimos contra outras equipes até mais deficientes que a Venezuela. O negócio é fazer como neste domingo; liquidar o oponente.

Os jogadores brasileiros aproveitaram o Dia das Crianças e colocaram os venezuelanos na roda.

A volta de Kaká foi elogiável, o futebol de Robinho brilhou e até Júlio César fez defesas importantes em momentos cruciais.

Ao Brasil cabe repetir a dose amanhã contra a Colômbia no Maracanã. Porque de nada vai adiantar uma no cravo e outra na ferradura.

FÓRMULA 1
A competição vai terminar o ano tão empolgante quanto em 2007. A briga pelo título está indefinida e o inglês Lewis Hamilton, que teve chances de conquistar a temporada há algum tempo, vai repetindo as vaciladas do ano passado.

Felipe Massa mostrou que é um piloto audacioso e corajoso na ultrapassagem sobre Sébastien Bourdais. E continua na luta pelo seu primeiro título mundial. O chão vai tremer na China e Interlagos.

A MAGIA DO DRIBLE
Os brasileiros travestidos de italianos que defendem a Azzurri no Mundial de Futsal apelaram com as jogadas de efeito e os dribles mágicos dos nossos jogadores.

Falcão foi alvo da violência e do rancor de quem não tem competência e morre de inveja com a categoria alheia.

O drible nada mais é do que uma jogada individual e legal. A regra não pune o talento. E sim é impiedosa com os pernas de pau e violentos.

CIELO BAMBAMBÃ. DE NOVO!
Fora de forma, sem treinar desde que ganhou a medalha de ouro em Pequim, César Cielo deu um show na etapa brasileira da Copa do Mundo de Natação disputada neste final de semana em Belo Horizonte.

Além de ter melhorado o seu tempo, o barbarense mostrou que tem vocação e biótipo para vencer.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vitória convincente

A Seleção Brasileira fez a lição de casa para vencer com méritos a Venezuela

Especial para o Diário

14/10/2008 | 00:00


A Seleção Brasileira fez a lição de casa para vencer com méritos a Venezuela. Mesmo atuando na casa do adversário! Jogou o que dela se esperava, partiu para cima, marcou os gols tranqüilizadores logo no começo e depois administrou o resultado.

É verdade que o inimigo é muito fraco. Mas e daí? Já sucumbimos contra outras equipes até mais deficientes que a Venezuela. O negócio é fazer como neste domingo; liquidar o oponente.

Os jogadores brasileiros aproveitaram o Dia das Crianças e colocaram os venezuelanos na roda.

A volta de Kaká foi elogiável, o futebol de Robinho brilhou e até Júlio César fez defesas importantes em momentos cruciais.

Ao Brasil cabe repetir a dose amanhã contra a Colômbia no Maracanã. Porque de nada vai adiantar uma no cravo e outra na ferradura.

FÓRMULA 1
A competição vai terminar o ano tão empolgante quanto em 2007. A briga pelo título está indefinida e o inglês Lewis Hamilton, que teve chances de conquistar a temporada há algum tempo, vai repetindo as vaciladas do ano passado.

Felipe Massa mostrou que é um piloto audacioso e corajoso na ultrapassagem sobre Sébastien Bourdais. E continua na luta pelo seu primeiro título mundial. O chão vai tremer na China e Interlagos.

A MAGIA DO DRIBLE
Os brasileiros travestidos de italianos que defendem a Azzurri no Mundial de Futsal apelaram com as jogadas de efeito e os dribles mágicos dos nossos jogadores.

Falcão foi alvo da violência e do rancor de quem não tem competência e morre de inveja com a categoria alheia.

O drible nada mais é do que uma jogada individual e legal. A regra não pune o talento. E sim é impiedosa com os pernas de pau e violentos.

CIELO BAMBAMBÃ. DE NOVO!
Fora de forma, sem treinar desde que ganhou a medalha de ouro em Pequim, César Cielo deu um show na etapa brasileira da Copa do Mundo de Natação disputada neste final de semana em Belo Horizonte.

Além de ter melhorado o seu tempo, o barbarense mostrou que tem vocação e biótipo para vencer.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;