Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Empreenda e surpreenda

Época do Natal é boa oportunidade para começar atividade


Cíntia Bortotto

07/11/2011 | 00:00


Para quem está pensando em aproveitar a época do Natal para começar uma nova atividade e ganhar um dinheirinho extra, aqui vai meu conselho: não fique parado e aproveite a oportunidade.

O primeiro passo é saber exatamente o que você quer fazer para empreender e, para responder essa pergunta, é importante saber o que você faz bem. Você é um bom vendedor? Tem dom para trabalhos manuais? Tem dom para fazer comidas ou bebidas? Tem algum conhecimento ou dom específico que pode ajudar alguém, principalmente no final do ano?

A segunda pergunta importante é para quem vou vender meu trabalho, onde está meu público alvo e quanto ele está disposto a pagar pelo que eu vou vender. Como este público vai saber que eu estou vendendo algo? Como posso divulgar meu trabalho? Ter as respostas para essas perguntas é essencial para começar.

Mais do que pensar em áreas favoráveis para vendas, devemos pensar em necessidades que ficam aumentadas no final do ano, afinal uma dose do empreendedorismo é poder oferecer algo que as pessoas ou empresas precisam com um ou mais diferenciais. Nem sempre o produto ou serviço já está inventado na sua totalidade. Criatividade ajuda muito. Mas então, quais são das necessidades que ficam mais evidentes no final do ano?

Com relação à casa: todos querem estar com a casa em ordem no final do ano para receber os amigos e familiares, portanto, empresas de pintura, marcenaria, gesso e tudo que possa ter relação com deixar a casa bonita tem a tendência de crescer no final do ano são boas apostas. Artigos de decoração com temas natalinos ou brancos para o Ano Novo também têm a tendência de aumentar em vendas.

Com relação ao visual: o verão está chegando e, além de ser uma estação em que as pessoas ficam mais expostas em praias, piscinas, clubes, elas também querem fazer bonito nas festas de final do ano. Então salões de beleza, centros de estética e tudo relacionado a melhorar a aparência do corpo também são negócios promissores nesta época. Massagens, drenagens, e diversos tratamentos estéticos são boas pedidas para seu novo negócio.

Com relação às lembrancinhas de Natal: negócios que fabricam e vendem artigos não muito caros e que podem ser oferecidos como lembrancinhas de Natal também têm um faturamento significativamente aumentado nos próximos meses. Estes artigos vão em geral, de chocolates, produtos de cuidados com a pele, cosméticos de forma geral ou roupas não tão sofisticadas.

Com relação ao novo ano que chega: produtos que remetam ao imaginário popular, por meio de lendas e superstições também tendem a vender bem para o feriado de Ano Novo, afinal, a maior parte das pessoas inicia o ano com roupa nova, ou uma peça da cor que tenha um significado. Também pode ser um bom caminho para seu investimento.

DICAS PARA NÃO ERRAR

Independentemente de qual for a área que você escolher, siga as dicas e tenha cuidado!

1. Faça bem feito o que se propuser;

2. Encante o cliente;

3. Contrate um escritório de contabilidade e siga rigorosamente toda a legislação;

4. Avalie corretamente o momento de crescer e contratar pessoas, custo sempre é uma questão para quem quer crescer. Decidir corretamente quando é hora de contratar e até que ponto pode fazer as atividades com o que já tem na empresa é algo de suma importância;

5. Tenha cuidado com o controle de custos;

6. Não se iluda! Se ganhar mais dinheiro do que pretendia, deixe parte em caixa para momentos não tão favoráveis da empresa. Em geral, os negócios têm bons momentos e outros não tão bons assim;

7. Selecione bons fornecedores. Parceiros que não oferecem bons materiais ou bom prazo podem prejudicar a sua imagem junto aos clientes;

8. Prometa o que possa cumprir. Não garanta nada que vá além da sua capacidade de entrega;

9. Não desista em momentos difíceis. Quando vier o momento difícil, não desista, isso faz parte.

Dependendo do negócio que você elegeu para abrir para o final do ano e de como foi o faturamento e a rentabilidade, ele pode se mostrar viável para os outros meses do ano. Avalie o quanto você pode faturar e o quanto terá de custo fixo, depois calcule e mínimo necessário para você viver disso. Se as contas mostrarem que é viável, ótimo, a empresa já está aberta e então é caprichar a parte comercial para o faturamento aumentar ainda mais.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;