Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Pisada é a bola da
vez dos corredores

Acertar na escolha do tênis e da palmilha pode prevenir dores nas costas e joelhos


Anderson Fattori

03/06/2013 | 07:00


Ainda pouco discutido, o tipo de pisada ganha importância à medida que cresce o interesse pelas corridas de rua. Especialistas dizem que, atualmente, recebem muitos pacientes reclamando de dores nos joelhos e nas costas e que não desconfiam que a causa está no jeito errado que o pé toca o chão. Para resolver o problema, é preciso fazer o exame de baropodometria, que é capaz de identificar alguma irregularidade na pisada.

“É muito importante identificar e corrigir o problema. A pisada pronada (pendente para dentro) ou supinada (para fora) é bem mais comum do que a normal e com o excesso de carga proporcionado pelos treinos e provas a tendência é causar inflamação ou até mesmo o rompimento total do tendão calcâneo (mais conhecido como tendão de Aquiles)”, explica o fisioterapeuta do esporte Alexandre Alcaide.

Para solucionar o problema, o especialista recomenda o uso de calçados apropriados. “Após fazer o exame de baropodometria, o ideal é procurar ajuda de um médico do esporte, que vai indicar o tênis ou palmilha que ajude a corrigir o problema”, ressalta Alexandre. “Hoje esses equipamentos são bem mais comuns e o preço é equivalente ao calçado indicado para pessoas com pisada normal”, completa.

Outra característica que pode causar problemas é a curvatura do pé. Além do tipo normal, existe o pé chato, o qual toca totalmente o chão, e o pé cavo, que tem o arco acentuado (veja na arte abaixo). “Neste caso, a correção passa pelo uso de palmilha especializada. Quem pode recomendar o uso é um médico do esporte. Esse é assunto pouco comentado, mas importante para aqueles que decidem enfrentar as provas de rua, que cresce bastante”, enfatiza Alexandre.

O assunto é tão importante que algumas lojas especializadas em calçados esportivos já disponibilizam gratuitamente o exame de baropodometria, que demora cerca de cinco minutos. Na região, é possível fazer o teste em uma das lojas localizadas no Shopping ABC, em Santo André.

CIRCUITO REGIONAL
Continuam abertas as inscrições para o 1º Circuito Popular de Corrida de Rua do Grande ABC, realizada pelo Diário, com apoio do governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude e organizada pela Federação Paulista de Atletismo. A primeira prova do evento, que faz parte das comemorações pelos 55 anos do jornal, será dia 16, em São Caetano.

As inscrições podem ser feitas no www.dgabc.com.br e no www.ativo.com ou retirando a ficha no Diário, à Rua Catequese, 562, bairro Jardim, em Santo André. O custo de cada etapa é de R$ 20, sendo que o atleta que deseja participar das sete provas paga preço promocional de R$ 100. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Pisada é a bola da
vez dos corredores

Acertar na escolha do tênis e da palmilha pode prevenir dores nas costas e joelhos

Anderson Fattori

03/06/2013 | 07:00


Ainda pouco discutido, o tipo de pisada ganha importância à medida que cresce o interesse pelas corridas de rua. Especialistas dizem que, atualmente, recebem muitos pacientes reclamando de dores nos joelhos e nas costas e que não desconfiam que a causa está no jeito errado que o pé toca o chão. Para resolver o problema, é preciso fazer o exame de baropodometria, que é capaz de identificar alguma irregularidade na pisada.

“É muito importante identificar e corrigir o problema. A pisada pronada (pendente para dentro) ou supinada (para fora) é bem mais comum do que a normal e com o excesso de carga proporcionado pelos treinos e provas a tendência é causar inflamação ou até mesmo o rompimento total do tendão calcâneo (mais conhecido como tendão de Aquiles)”, explica o fisioterapeuta do esporte Alexandre Alcaide.

Para solucionar o problema, o especialista recomenda o uso de calçados apropriados. “Após fazer o exame de baropodometria, o ideal é procurar ajuda de um médico do esporte, que vai indicar o tênis ou palmilha que ajude a corrigir o problema”, ressalta Alexandre. “Hoje esses equipamentos são bem mais comuns e o preço é equivalente ao calçado indicado para pessoas com pisada normal”, completa.

Outra característica que pode causar problemas é a curvatura do pé. Além do tipo normal, existe o pé chato, o qual toca totalmente o chão, e o pé cavo, que tem o arco acentuado (veja na arte abaixo). “Neste caso, a correção passa pelo uso de palmilha especializada. Quem pode recomendar o uso é um médico do esporte. Esse é assunto pouco comentado, mas importante para aqueles que decidem enfrentar as provas de rua, que cresce bastante”, enfatiza Alexandre.

O assunto é tão importante que algumas lojas especializadas em calçados esportivos já disponibilizam gratuitamente o exame de baropodometria, que demora cerca de cinco minutos. Na região, é possível fazer o teste em uma das lojas localizadas no Shopping ABC, em Santo André.

CIRCUITO REGIONAL
Continuam abertas as inscrições para o 1º Circuito Popular de Corrida de Rua do Grande ABC, realizada pelo Diário, com apoio do governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude e organizada pela Federação Paulista de Atletismo. A primeira prova do evento, que faz parte das comemorações pelos 55 anos do jornal, será dia 16, em São Caetano.

As inscrições podem ser feitas no www.dgabc.com.br e no www.ativo.com ou retirando a ficha no Diário, à Rua Catequese, 562, bairro Jardim, em Santo André. O custo de cada etapa é de R$ 20, sendo que o atleta que deseja participar das sete provas paga preço promocional de R$ 100. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;