Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

'Ex-jarro', Gilson quer participação

Vice de Diadema credita papel tímido na gestão Reali à fraqueza de sua antiga sigla


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

09/07/2012 | 07:15


Candidato a vice na chapa encabeçada pelo prefeito de Diadema, Mário Reali (PT), Gilson Menezes (PSB) garante que terá mais atuação se a dobrada sair vencedora do pleito em outubro. No ano passado, ao Diário, Gilson se considerou "jarro" dentro do Paço pela falta de participação efetiva na administração petista.

"(Depois da entrevista) Tive algumas atuações para ajudar o Mário. Mas, na ocasião tinha sido eleito por um partido que praticamente não existia. Hoje, não. O PSB tem militância na cidade e é um partido consolidado no País", afirmou o socialista, em tom otimista.

A legenda citada por Gilson é o PSC, hoje no arco de alianças do candidato do PV à Prefeitura, Lauro Michels. O atual vice trocou a sigla social-cristã em 2009, para sair candidato a deputado estadual no ano seguinte e atrair o PSB, então na oposição, para a base governista de Reali.

Apesar das reclamações de Gilson sobre a pouca efetividade no governo, o socialista conseguiu emplacar cargos importantes no Parque do Paço. O principal deles foi o comando da Secretaria de Cultura, com Regina Ponce Queiroz, sua mulher.

 

Petista promete fusão de escolas para CEU no Jd. Inamar

 

O prefeito de Diadema e candidato à reeleição pelo PT, Mário Reali, prometeu a construção de um CEU (Centro Educacional Unificado) no Jardim Inamar. A obra serviria para abrigar os alunos das escolas municipais Professora Fabíola Lima Goyano, no Jardim União, e Ministro Francisco de Paula Quintanilha Ribeiro, no Jardim Promissão.

"Essas duas escolas ficam distantes, mas atendem a mesma região. A intenção é centralizar para ter o primeiro CEU de Diadema", revelou Reali no sábado, depois da primeira atividade de campanha.

A administração já analisa a projeção da construção do centro educacional, que marcou a gestão da hoje senadora Marta Suplicy (PT) à frente da prefeitura de São Paulo.

As duas escolas foram municipalizadas na gestão de Reali. Caso saia do papel, será o quarto CEU do Grande ABC. Os outros três estão em São Bernardo: São Pedro (megaestrutura que compreende quatro prédios no mesmo endereço), Três Marias e Silvina.

Ontem, nenhum dos cinco candidatos a prefeito de Diadema tiveram atividades oficiais.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;