Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 15 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

MP cobra deputado por mutirão da catarata


Nicolas Tamasauskas
Sucursal Diadema

20/06/2007 | 07:01


O deputado estadual José Augusto da Silva Ramos (PSDB-Diadema) terá de explicar à promotora da Cidadania da cidade, Cecília Maria Denser de Sá, sua participação na triagem de moradores de Diadema para cirurgias de catarata do governo do Estado, realizada no final de abril.

A promotora recebeu denúncia da Prefeitura – comandada pelo arqui-rival de Zé Augusto, José de Filippi Júnior (PT) – de que o deputado explorou “politicamente” a triagem, além de buscar promoção pessoal, de olho na sucessão municipal em 2008.

O tucano foi notificado segunda-feira por meio de ofício do MP, que pede explicações sobre o fato de ele ter selecionado pacientes para o mutirão. A Prefeitura denuncia o parlamentar de interferir em uma atividade que seria de responsabilidade do Executivo.

Os petistas também acusam o grupo do deputado – incluindo a secretária de Saúde na gestão de Zé Augusto (1989-1992) Arabela de Oliveira e outros assessores – de distribuir panfletos sobre o mutirão com as cores do PSDB.

“Sou médico e um homem que sempre trabalhou pela Saúde. O MP fala que eu fiz isso para me promover, mas não é verdade”, defende-se o parlamentar. Segundo Zé Augusto, a triagem para o mutirão – que atendeu 200 pessoas no Hospital das Clínicas, em São Paulo – aconteceu por iniciativa sua junto ao governo do Estado.

“Na verdade, estão me atacando porque eu trouxe o mutirão para a cidade, uma coisa positiva, que beneficiou a população”, completou.

A promotora do MP acompanhava na tarde de terça-feira uma audiência no Fórum da cidade e não atendeu o Diário.

Funcionárias do Ministério Público afirmaram que Cecília abriu um inquérito para apurar a denúncia da administração petista contra o deputado tucano.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

MP cobra deputado por mutirão da catarata

Nicolas Tamasauskas
Sucursal Diadema

20/06/2007 | 07:01


O deputado estadual José Augusto da Silva Ramos (PSDB-Diadema) terá de explicar à promotora da Cidadania da cidade, Cecília Maria Denser de Sá, sua participação na triagem de moradores de Diadema para cirurgias de catarata do governo do Estado, realizada no final de abril.

A promotora recebeu denúncia da Prefeitura – comandada pelo arqui-rival de Zé Augusto, José de Filippi Júnior (PT) – de que o deputado explorou “politicamente” a triagem, além de buscar promoção pessoal, de olho na sucessão municipal em 2008.

O tucano foi notificado segunda-feira por meio de ofício do MP, que pede explicações sobre o fato de ele ter selecionado pacientes para o mutirão. A Prefeitura denuncia o parlamentar de interferir em uma atividade que seria de responsabilidade do Executivo.

Os petistas também acusam o grupo do deputado – incluindo a secretária de Saúde na gestão de Zé Augusto (1989-1992) Arabela de Oliveira e outros assessores – de distribuir panfletos sobre o mutirão com as cores do PSDB.

“Sou médico e um homem que sempre trabalhou pela Saúde. O MP fala que eu fiz isso para me promover, mas não é verdade”, defende-se o parlamentar. Segundo Zé Augusto, a triagem para o mutirão – que atendeu 200 pessoas no Hospital das Clínicas, em São Paulo – aconteceu por iniciativa sua junto ao governo do Estado.

“Na verdade, estão me atacando porque eu trouxe o mutirão para a cidade, uma coisa positiva, que beneficiou a população”, completou.

A promotora do MP acompanhava na tarde de terça-feira uma audiência no Fórum da cidade e não atendeu o Diário.

Funcionárias do Ministério Público afirmaram que Cecília abriu um inquérito para apurar a denúncia da administração petista contra o deputado tucano.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;