Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Brasil não trocará princípios por produtos, diz Amorim


Do Diário OnLine
Com Agências

10/12/2003 | 14:26


O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, afirmou nesta quarta-feira que o Brasil "não trocará princípios por produtos", em referência às declarações do presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre temas polêmicos do Oriente Médio.

Amorim reiterou ainda que o país não tem posição de confronto com os Estados Unidos. "Quem não tem posição própria não é chamado para discutir nada", disse Amorim, que ainda criticou brasileiros com "visão colonizada" e que não querem se indispor contra nada. "Se for assim a gente vai ficar sempre na terceira divisão do cenário internacional. Acho que um dia a gente pode passar para a primeira divisão."

O chanceler afirmou também que na terça-feira, na reunião com embaixadores da Liga Árabe, na cidade do Cairo, Egito, o presidente brasileiro criticou a posição dos Estados Unidos de atacarem o Iraque e não reconhecerem o erro, em decorrência da proximidade de uma eleição presidencial.

Amorim comentou que a presença de ex-guerrilheiros no jantar com o coronel Muamar Kadafi, tais como Bem Bella, da Argélia, e Daniel Ortega (ex-guerrilheiro sandinista que presidiu a Nicarágua) não foi responsabilidade brasileira, mas sim do governo líbio.

De acordo com a Agência Brasil, o ministro disse que a visita à Líbia não é ideológica, mas de negócios. Afirmou que há possibilidades comerciais em áreas como a venda de máquinas agrícolas, construção civil e aviação. Acrescentou que o momento é importante porque as sanções econômicas à Líbia foram suspensas neste ano e, segundo ele, é bom que o Brasil esteja nas conversações desde o início.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;