Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Fiesp pleiteia desoneração de investimento produtivo



03/08/2009 | 07:01


Representantes do setor produtivo pressionam o governo federal para que a política de desenvolvimento do setor industrial seja revista à luz do pós-crise. "A prioridade é incentivar o investimento na inovação tecnológica e modernização da indústria nacional", defende o diretor do Departamento de Produtividade e Tecnologia da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), José Ricardo Roriz Coelho.

Além de fortalecer a competitividade do produto brasileiro, a medida estimula o setor de bens de capital, estratégico para a economia do País, cuja produção desabou com a crise, diz. Para o empresário Mario Bernardini, assessor econômico da diretoria da Abimaq (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos), até agora o governo agiu sem plano estratégico.

"Incentivou mais o consumo, o que no curto prazo dá resultado, mas no longo prazo é ineficiente", observa. "Deveria ter sido feito, mas com um objetivo na frente.". Bernardini faz uma comparação com o governo chinês, que priorizou ampliar os investimentos em infraestrutura. "Eles vão sair da crise mais competitivos do que entraram", afirma.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;