Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

CUT faz tempestade em copo d'água sobre reforma da CLT, diz ministro


Do Diário OnLine

04/04/2002 | 11:07


O novo ministro do Trabalho, Paulo Jobim, afirmou que os grupos, como a Central Única dos Trabalhadores (CUT), que se opõem à flexibilização da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) estão fazendo tempestade em copo d’água.

Na opinião do ministro, um dos mais notáveis acordos em que o “negociado prevaleceu sobre o legislado” foi o acordo que o Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo, filiado à CUT, fez recentemente com a montadora Volkswagen, para evitar demissões.

“Todos os direitos historicamente conquistados permanecem. O projeto flexibiliza formas para resolver problemas setoriais, pontuais”, afirmou.

O ministro Jobim lembrou, nesta manhã de quinta-feira, o discurso do presidente Fernando Henrique Cardoso feito na posse dos novos ministros. O presidente reafirmou a importância do projeto, apesar do governo ter tirado o pedido de urgência na votação.

Jobim afirmou que a votação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) é, no momento, mais importante, o que justificaria a retirada do pedido de urgência. Esta foi a condição imposta pelo PFL para aprovar a CPMF. O atraso votação do imposto trará prejuízos de cerca de R$ 400 milhões para a arrecadação federal.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;