Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 12 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Defesa do Sao Paulo apresenta velhos problemas


Do Diário do Grande ABC

29/07/1999 | 20:51


A derrota por 3 a 2 para o Santos, quarta-feira, na Vila Belmiro, ressaltou um velho problema do Sao Paulo: sofrer gols em jogadas de bola parada, principalmente nos cruzamentos para a grande área. Foram assim dois dos gols santistas, após cobranças de escanteio (o do zagueiro Jean e o de Dodô) que definiu o resultado final. "Nao podemos mais pagar o preço por este tipo de erro", disse o técnico Paulo César Carpegiani, sem esconder seu descontentamento.

Para evitar a repetiçao do problema, Carpegiani pode até mesmo fazer mudanças na defesa. "Amanha, vou conversar melhor com meus jogadores e, se os erros se repetirem no próximo jogo, vou ter de mexer no time", afirma. Sábado, o Sao Paulo faz sua estréia na Copa Mercosul, diante do Boca Juniors, em Buenos Aires. A viagem para a Argentina está marcada para sexta pela manha. A tarde, está previsto um treino na capital argentina.

Antes do jogo contra o Santos, nao faltaram treinos para acertar a colocaçao dos defensores em campo. Nada adiantaram, porém. "É uma falha que tínhamos desde o Campeonato Paulista, mas havíamos acertado de certa forma", lembra o treinador. Na competiçao regional, os sao-paulinos cederam um empate por quatro gols para os palmeirenses em funçao de vários erros do tipo.

Os jogadores admitem as falhas e repetem o discurso do treinador. "Neste tipo de jogada, falta atençao da defesa e os atacantes sempre têm mais iniciativa", comentou o goleiro Rogério. Entre os atletas, porém, parece haver uma certa falta de sintonia. "Nos escanteios, a marcaçao é individual e, no jogo contra o Santos, alguém deixou de marcar o adversário", afirma o atacante França. "Nossa marcaçao é por setor porque a individual é muito complicada", conta Edmílson.

O lado bom - Carpegiani, no entanto, gostou do futebol apresentado contra o Santos, principalmente na segunda etapa, quando Émerson entrou no lugar de Edmílson pela ala direita. "Nossas jogadas ofensivas estavam todas concentradas pela esquerda e o Émerson foi uma boa alternativa pelo lado direito" analisou o treinador.

Eventuais mudanças na equipe para o jogo contra o Boca só serao estudadas a partir desta sexta, segundo Carpegiani. Pelo Brasileiro, a equipe volta a campo na quarta-feira, contra o Botafogo do Rio de Janeiro, no Morumbi. O zagueiro Nem, expulso contra o Santos, nao joga. Jorginho foi submetido nesta quinta a uma nova radiografia, que constatou fissura na oitava costela do lado esquerdo. O jogador, que levou uma cotovelada no tórax em jogo no México, deve ficar mais dez dias afastado da equipe.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Defesa do Sao Paulo apresenta velhos problemas

Do Diário do Grande ABC

29/07/1999 | 20:51


A derrota por 3 a 2 para o Santos, quarta-feira, na Vila Belmiro, ressaltou um velho problema do Sao Paulo: sofrer gols em jogadas de bola parada, principalmente nos cruzamentos para a grande área. Foram assim dois dos gols santistas, após cobranças de escanteio (o do zagueiro Jean e o de Dodô) que definiu o resultado final. "Nao podemos mais pagar o preço por este tipo de erro", disse o técnico Paulo César Carpegiani, sem esconder seu descontentamento.

Para evitar a repetiçao do problema, Carpegiani pode até mesmo fazer mudanças na defesa. "Amanha, vou conversar melhor com meus jogadores e, se os erros se repetirem no próximo jogo, vou ter de mexer no time", afirma. Sábado, o Sao Paulo faz sua estréia na Copa Mercosul, diante do Boca Juniors, em Buenos Aires. A viagem para a Argentina está marcada para sexta pela manha. A tarde, está previsto um treino na capital argentina.

Antes do jogo contra o Santos, nao faltaram treinos para acertar a colocaçao dos defensores em campo. Nada adiantaram, porém. "É uma falha que tínhamos desde o Campeonato Paulista, mas havíamos acertado de certa forma", lembra o treinador. Na competiçao regional, os sao-paulinos cederam um empate por quatro gols para os palmeirenses em funçao de vários erros do tipo.

Os jogadores admitem as falhas e repetem o discurso do treinador. "Neste tipo de jogada, falta atençao da defesa e os atacantes sempre têm mais iniciativa", comentou o goleiro Rogério. Entre os atletas, porém, parece haver uma certa falta de sintonia. "Nos escanteios, a marcaçao é individual e, no jogo contra o Santos, alguém deixou de marcar o adversário", afirma o atacante França. "Nossa marcaçao é por setor porque a individual é muito complicada", conta Edmílson.

O lado bom - Carpegiani, no entanto, gostou do futebol apresentado contra o Santos, principalmente na segunda etapa, quando Émerson entrou no lugar de Edmílson pela ala direita. "Nossas jogadas ofensivas estavam todas concentradas pela esquerda e o Émerson foi uma boa alternativa pelo lado direito" analisou o treinador.

Eventuais mudanças na equipe para o jogo contra o Boca só serao estudadas a partir desta sexta, segundo Carpegiani. Pelo Brasileiro, a equipe volta a campo na quarta-feira, contra o Botafogo do Rio de Janeiro, no Morumbi. O zagueiro Nem, expulso contra o Santos, nao joga. Jorginho foi submetido nesta quinta a uma nova radiografia, que constatou fissura na oitava costela do lado esquerdo. O jogador, que levou uma cotovelada no tórax em jogo no México, deve ficar mais dez dias afastado da equipe.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;